======= >>>>>>> e25c819d467b41304e02e273703047b4432759b4

Com elenco de peso, Ocean's Eight empolga fãs e quebra paradigmas

Versão feminina de Onze Homens e Um Segredo segue com gravações a todo vapor

Por Marcos Henderson - em
Com elenco de peso, Ocean's Eight empolga fãs e quebra paradigmas
Oceans Eight estreia em 2018 (Foto: Reprodução)
Quem não se lembra do elogiadíssimo Onze Homens e um Segredo, filme de 2001 com direção de Steven Soderbergh e elenco cobiçado composto por Brad Pitt, George Clooney, Matt Damon, entre outros, incluindo o mais recente ganhador do Oscar, Casey Affleck? Com um estrondoso sucesso, o longa-metragem acabou dando espaço para sequências, até o fechamento de uma trilogia capaz de parar os mais diversos países em suas respectivas datas de estreia. E o que era bom, pode ficar ainda mais interessante com o futuro lançamento de Ocean's Eight, versão feminina do filme que já deixou sua marca em uma geração inteira.

Se a versão "masculina" já continha um elenco de peso, o que dizer sobre a união de Anne Hathaway, Sandra Bullock, Cate Blanchett, Rihanna, Mindy Kaling, Awkwafina, Sarah Paulson e Helena Bonham Carter? Para os entusiastas, vale ressaltar que não se trata de uma nova história, e sim de um spin-off da franquia original, desta vez com um enfoque na irmã de Danny Ocean, antigo personagem de Clooney. E quem dará vida à moça? Sandra Bullock, que terá Lou (Blanchett) como braço direito na história, seguindo o mesmo estilo de roteiro e construção de imagem atribuídos a Brad Pitt nos longas anteriores.

Gary Ross (Jogos Vorazes) fica responsável pela direção, ao mesmo tempo em que Olivia Milch (Rainha e País) detalha o roteiro, muito mais aberto às possibilidades de quebrar paradigmas, sobretudo por conta da forte relação da história fictícia com o poker e a realidade das mulheres no esporte, comumente apontado como masculino por diversos espectadores ou praticantes assíduos.

Em entrevista recente, Cate Blanchett falou um pouco mais sobre as experiência no filme, que estreia apenas em 2018, e deixou bem clara sua opinião sobre a indústria cultural na Austrália, seu país de origem, relacionando a participação das mulheres com o contexto principal de sua fala. “Na Austrália temos uma maravilhosa, maravilhosa indústria cultural, mas muitas vezes o sucesso não é reconhecido lá", iniciou a atriz. "Mas aqui neste país, a coisa maravilhosa sobre a América é que o sucesso é reconhecido”, garante a ganhadora do Oscar por Blue Jasmine.

+ Oceans Eight

Deixe um comentário!

últimas notícias

Relembre fatos curiosos de A Melhor Despedida de Solteira
Relembre fatos curiosos de A Melhor Despedida de Solteira Longa marcou época e continua em alta em catálogos de streaming e TV paga
BBB 2018: Paula diz que Jéssica é leva e traz: ‘Eu falo e você fala pra eles’
BBB 2018: Paula diz que Jéssica é leva e traz: ‘Eu falo e você fala pra eles’ A empresária confrontou a personal trainer depois de flagra-la conversando com Diego e Patrícia no Bangalô do Líder
BBB 2018: Barraco entre Gleici e Patrícia quebra internet
BBB 2018: Barraco entre Gleici e Patrícia quebra internet O assunto foi um dos mais comentados nesse final de semana