Justiça determina que Val Marchiori indenize Ludmilla por danos morais por comentário racista

Essa é a segunda condenação de Val Marchiori, que deve recorrer novamente
Essa é a segunda condenação de Val Marchiori, que deve recorrer novamente
PorBruna Pinheiro01/07/2020 21h29

A Justiça do Rio de Janeiro, por meio da 3ª Vara Cível da Ilha do Governador, na Zona Norte do Rio, determinou que a socialite Val Marchiori indenize por danos morais, a cantora Ludmilla, no valor de R$ 30 mil, por causa de um comentário racista feito durante a transmissão do carnaval de 2016.

Val Marchiori era comentarista na RedeTV cobrindo o evento do carnaval carioca de 2016 e Ludmilla desfilava pelo Salgueiro usando uma fantasia com aplique no cabelo, quando a socialite disse: “A fantasia está bonita, a maquiagem... agora, o cabelo... Hello! Esse cabelo dela está parecendo um bombril, gente!”.

Esta é a segunda condenação de Val Marchiori sobre o caso e, na decisão da juíza Françoise Picot Cully, a fala de Marchiori ofendeu a funkeira e outras mulheres negras: “Ao pontuar que o cabelo crespo visualizado no vídeo parecia com 'bombril', a primeira ré desqualificou um traço típico da raça negra, e ofendeu a honra subjetiva da autora. No cenário indicado, conclui-se que estão reunidos os elementos determinantes da formação do dever de indenizar”.

Na primeira decisão de 2018, com o valor de indenização de R$10 mil, Val recorreu e informou: "Eu não concordo. Primeiro, eu posso dar minha opinião. Eu não xinguei a pessoa, eu não falei da índole dela, não falei da cor dela" e se autodenominando de "zero racista". Com o processo correndo a quatro anos, Ludmilla disse no ano passado que não acreditava que venceria a ação, dizendo que "por ela [Val] ser rica e cheia de privilégios, até hoje nada aconteceu. E ela debocha da situação em todo canto que vai até hoje". 

A defesa de Val Marchiori irá recorrer novamente, na tentativa de que as duas celebridades cheguem a um acordo pessoal.

+Ludmilla

Sobre o autorBruna Pinheiro
Internacionalista. Escrevo hoje sobre política, economia, filmes e séries. Adoro viajar e comer (não necessariamente nessa ordem). Segue lá @bpinheiro1