Kanye West anuncia candidatura à presidência dos EUA em 2020

Elon Musk, fundador, CEO e CTO da SpaceX, CEO da Tesla Motors entre outras empresas, já endossou a candidatura do rapper.
Elon Musk, fundador, CEO e CTO da SpaceX, CEO da Tesla Motors entre outras empresas, já endossou a candidatura do rapper.
PorCarol Souza06/07/2020 20h29

Kanye West há muito tempo manifesta interesse em concorrer à presidência, embora já tenha dito anteriormente que esperaria até Donald Trump deixar o cargo. Entretanto, mesmo com a candidatura para um segundo mandato do empresário,  rapper polímata bilionário aparentemente anunciou sua intenção de buscar o cargo de presidência ainda em 2020.

"Agora devemos cumprir a promessa da América confiando em Deus, unificando nossa visão e construindo nosso futuro", escreveu Kanye em um post no twitter no "Dia da Independência", e completou: "Estou concorrendo à presidência dos Estados Unidos! #2020Vision".

Dado que a eleição nos EUA está a menos de quatro meses e com o prazo final para vários estados já terem se esgotado, o caminho de Kanye para a Casa Branca não será fácil. Além disso, ele recentemente concordou em se tornar o diretor criativo da grife Gap, com planos de lançar sua linha de produtos no início de 2021.

Por seu lado empresário, a companhia "Yeezy", de Kanye West, recebeu o aporte mais de US$ 2 milhões através do Paycheck Protection Program, informou a Administração de Pequenas Empresas na segunda-feira. A empresa divulgou que salvou 160 empregos por causa do programa destinado a ajudar as empresas em dificuldades durante a nova pandemia de coronavírus.

Como ele pretende comandar o país enquanto cumpre seus compromissos com a Gap e outros 'jobs' ainda não ficou claro. Mas com um patrimônio líquido de mais de um bilhão de dólares, a influência das mídias sociais dos Kardashians e a capacidade de dominar as manchetes como poucas outras figuras públicas que não carregam o nome Trump, Kanye definitivamente tem os meios e as ferramentas para concorrer à presidência.

No entanto, se ele segue ou não essa proposição permanece uma incógnita. Mas no mar de incertezas, uma coisa é certa: ele já tem o aval de Elon Musk.

Confira os tweets abaixo:

+Internacional

Sobre o autorCarol Souza
Amante do cinema, dos livros e apaixonadíssima pelo bom e velho rock n'roll. Amo escrever e escrevo sobre o que amo. Ativista da causa feminista e bebedora de café profissional. Instagram: @barbooosa.carol