The Undoing: Nova série da HBO com Nicole Kidman tem estreia mediana

A nova série estreou no último domingo, 25.
A nova série estreou no último domingo, 25.
PorBruna Pinheiro27/10/2020 02h19

A nova minissérie da HBO "The Undoing" teve a sua estreia no último domingo (25) e conta com o protagonismo de Nicole Kidman e Hugh Grant. Mas o lançamento teve uma crítica morna nos Estados Unidos e demais países onde já está passando.

Baseado no romance de 2014 de Jean Hanff Korelitz "You Should Have Known" (agora renomeado após a minissérie), a obra apresenta um assassinato em meio a pessoas ricas e pobres. No site Rotten Tomatoes, a produção atingiu 73% de aprovação, e dos críticos 56%. A atriz havaiana estrela, produz e canta na abertura da nova produção.

"The Undoing" reúne novamente Nicole Kidman e o roteirista-produtor David E. Kelley, após o sucesso de "Big Little Lies". Além disso, marca a estreia do ator inglês Hugh Grant numa produção televisiva americana. 

Na produção, Kidman interpreta Grace Fraser, uma glamorosa terapeuta de relacionamentos de Manhattan casada com Jonathan (Hugh Grant), um glamoroso oncologista pediátrico; o filho deles, Henry (Noah Jupe), frequenta uma escola particular glamorosa. Como terapeuta, Grace é boa em apontar como seus clientes podem se enganar, especialmente quando se trata de atração romântica.

O núcleo principal da série é formado por Nicole Kidman, Hugh Grant e Noah Jupe
O núcleo principal da série é formado por Nicole Kidman, Hugh Grant e Noah Jupe
O núcleo principal da série é formado por Nicole Kidman, Hugh Grant e Noah Jupe

Mas, embora ela possa detectar os problemas de seus clientes, ela é insensível a seus próprios olhos. Todo o relacionamento da família muda quando uma mulher (Matilda De Angelis), que tem um filho na escola de Henry, aparece morta e Jonathan, que supostamente estava em uma convenção de oncologistas pediátricos, torna-se um suspeito aos olhos dos detetives.

Apesar do lançamento, a HBO não apresentou o sexto e último episódio aos críticos, que revelam (até onde puderam) que a minissérie possui mais mistério do que o livro, e deixa espaço para uma história de amizade feminina após um casamento confinante. Apesar do ar de continuidade, os relatos narram que até no final o espectador terá a maioria das perguntas respondidas, sem muitas margens para uma próxima temporada.

3
Gostei
Haha
Triste
Detestei
Amei
Aff
Gostei
Comentar

+HBO

Sobre o autorBruna Pinheiro
Internacionalista. Escrevo hoje sobre política, economia, filmes e séries. Adoro viajar e comer (não necessariamente nessa ordem). Segue lá @bpinheiro1