Diário 24 Horas

Vídeos mostram tiroteio, bombas e terror em Araçatuba durante ataque com reféns

Criminosos usaram reféns como escudos e plantaram bombas por várias regiões da cidade na madrugada desta segunda-feira (30)
Criminosos usaram reféns como escudos e plantaram bombas por várias regiões da cidade na madrugada desta segunda-feira (30)
Marcos Henderson
PorMarcos Henderson

A madrugada desta segunda-feira (30) foi de terror para os moradores do centro de Araçatuba, em São Paulo, onde criminosos armados com artilharia pesada atacaram três agências bancárias, com escudo humano de reféns, bombas plantadas pela região e tiroteios durante cerca de duas horas. Alguns vídeos que circulam nas redes sociais mostram moradores em pânico no ataque que deixou três pessoas mortas, incluindo um assaltante.

Confira alguns vídeos do ataque em Araçatuba publicados por internautas:

De acordo com a polícia, cerca de 20 pessoas foram responsáveis pelo ataque, com abordagem de pedestres e motoristas para configuração dos escudos humanos de reféns. Dois suspeitos foram presos, um morreu e o restante conseguiu fugir, enquanto alguns moradores se tornavam vítima dos explosivos espalhados pelos criminosos. Um homem de 25 anos, por exemplo, precisou amputar os dois pés após passar próximo de uma bomba e aciona-la instantaneamente. 

A ação dos criminosos foi organizada e escalonada por regiões diferentes do centro de Araçatuba, já que os 20 bandidos se espalharam em dez carros após os ataques às agências bancárias, coletando as pessoas que encontravam pelo caminho para criar seu inventário de reféns para dificultar a ação de resposta da polícia, que precisava proteger os moradores antes de atacar os criminosos. 

Fortemente armados, os criminosos também tinham equipamentos de alta tecnologia à disposição, como drones, que auxiliavam no monitoramento dos policiais para que fossem definidas as principais vias necessários para bloqueio, com carros e destroços em chamas. 

Além das agências bancárias, lojas também foram destruídas pelo caminho, e várias ruas precisaram ser interditadas devido à possibilidade de explosivos, o que também gerou um toque de recolher imediato na cidade. 

ComentáriosO que você achou?
SP
Últimas