Confira o resumo das estreias de Marcos Mion e Luciano Huck no 'Caldeirão' e 'Domingão'

Huck e Mion inauguram uma fase totalmente nova para a TV Globo antes de virar o ano com grandes novidades na programação
Huck e Mion inauguram uma fase totalmente nova para a TV Globo antes de virar o ano com grandes novidades na programação
Marcos Henderson
PorMarcos Henderson

Após uma grande espera do público e uma série de modificações às pressas nos bastidores da TV Globo, Marcos Mion fez a sua sonhada estreia na emissora, comandando o Caldeirão no último sábado (4), e Luciano Huck pulou para o Domingão, no dia 5, configurando a nova fase dos finais de semana do canal que abrigou um cenário sem grandes mudanças no horário há décadas. Sem rodeios, vamos ao resumo de cada programa:

Resumo da estreia de Marcos Mion no 'Caldeirão'

Visivelmente emocionado, Marcos Mion não conteve a máxima euforia na condução do novo Caldeirão, e deu um verdadeiro show à parte neste sábado, empolgando até os convidados com uma atração divertida e cheia de entretenimento instantâneo, como o jogo de adivinhação entre o time de Paulo Vieira e o time de Juliana Paes, em que os convidados precisavam acertar quais eram as principais respostas dos brasileiros para determinadas questões. 

Em outro jogo, Mion uniu a pitada de sal do "Covernation" com o "Qual é a Música?" e o "Ding Dong" para criar o quadro "Sobe o Som", em que Larissa Manoela e Ramom Amorim enfrentaram Tiago Leifert e Ana Furtado na disputa comandada pela banda de Lucio Mauro Filho. Após as disputas no auditório, o apresentador encerrou o programa com o quadro "Isso a Globo Não Mostra", resgatando seu eterno trabalho no "Piores Clipes do Mundo", da MTV, com as imagens do acervo da Globo. 

Resumo da estreia de Luciano Huck no 'Domingão'

A estreia do "Domingão" não aconteceu conforme os planos iniciais da Globo, já que a partida entre Brasil e Argentina pelas eliminatórias da Copa do Mundo foi cancelada após a invasão da Anvisa em campo para a retirada de quatro jogadores argentinos que vieram da Inglaterra sem cumprir quarentena obrigatória. Isso obrigou a emissora a escalar um filme de última hora antes do início do programa apresentado por Huck, que deveria dar prosseguimento à suposta boa audiência do futebol. 

Mesmo assim, o apresentador brincou com a situação e seguiu normalmente os seus planos individuais. De imediato, Huck adotou uma postura emotiva para lidar com a transição de programa ao mesmo tempo em que se coloca no atual contexto de incertezas sobre o fim da pandemia de Covid-19. 

Como esperado, o apresentador comandou novamente o "Quem Quer Ser um Milionário?" e dedicou um espaço da atração para homenagear o antigo dono do horário, Fausto Silva. “Não dá pra não pensar em Fausto Silva, que por 32 anos ocupou esse horário. O Fausto, de quem sou muito amigo, deu uma enorme contribuição para a construção dos domingos na TV. Meus votos de muita saúde e de muito sucesso na nova fase. Sou especialmente grato ao Faustão”, declarou o marido de Angélica. 

Huck também resgatou o "Show dos Famosos", anteriormente apresentado por Fausto, e trouxe Margareth Menezes para homenagear o Neguinho da Beija-Flor, Gloria Groove como Xanddy, e Fiuk homenageando Amy Winehouse. 

Comentários

O que você achou?