Regina Duarte vira piada após vídeo na Ancine: "parece uma criança de 10 anos"

Atriz corre pelo salão do órgão oficial e gera novas discussões na web
Atriz corre pelo salão do órgão oficial e gera novas discussões na web
PorMarcos Henderson12/02/2020 11h49

A escolha de Regina Duarte como secretária especial da Cultura continua rendendo discussões, sobretudo após a publicação realizada pela atriz na última terça-feira (11), em que demonstra emoção ao visitar, pela primeira vez, a Agência Nacional de Cinema (Ancine), mas não mostra nada do que pretende, de fato, fazer pela cultura nacional. "A primeira visita à #ancine Agência Nacional de Cinema ) a gente nunca esquece . uma emoção !", disse na legenda, atraindo diversos comentários em seguida, entre elogios e críticas à sua atuação política, fruto do convite direto do presidente Jair Bolsonaro

Com apenas alguns segundos de vídeo, Duarte aparece sorridente, aponta para os objetos à mostra no local, corre pelo espaço, pula e gesticula com as mãos, olhando sempre para a câmera com o sorriso em destaque. Confira:

Não demorou muito para a cena virar assunto do momento nas redes sociais, com destaque para o Twitter, que já tem mais de 10 mil publicações mencionando a atriz. "Meu medo é ir de madrugada buscar água na cozinha e encontrar a Regina Duarte atrás da geladeira me olhando desse jeito", disse uma internauta, exibindo o sorriso da atriz no vídeo publicado no Instagram. "Pra atuar no governo Bolsonaro tem que ser adolescente menor de 13 anos. Regina Duarte tá indo bem: 73 anos, mas agindo como se tivesse 10", disse outra internauta.

Vale lembrar que no final de janeiro, Bolsonaro nomeou dois diretores interinos para a Ancine: Vinícius Clay, que já estava no órgão desde 2015, e o pastor e colunista social Edilásio Barra, o Tutuca, que se juntam a Luana Maíra Rufino, anunciada duas semanas antes dos dois novos colegas. O curioso é que Duarte parece ter algumas exigências contrárias às ideias do presidente, e teria exigido na composição da secretaria a presença de Humberto Ferreira Braga, cotado recentemente para assumir o cargo de presidente da Funarte, sem sucesso, devido aos índices positivos apresentados por Dante Mantovani, que em dezembro do ano passado chegou a comentar negativamente sobre o "Rock'n'Roll" e, em 2020, repetiu o conservadorismo orquestral no edital do Prêmio Funarte de Apoio a Bandas de Música, proibindo bandas de rock, fanfarra e até "big bands". “O rock ativa a droga que ativa o sexo que ativa a indústria do aborto. A indústria do aborto por sua vez alimenta uma coisa muito mais pesada que é o satanismo", disse Mantovani no final de 2019. 

O presidente Jair Bolsonaro teria sido informado de que Braga, exigido por Regina Duarte, é amigo de Marcelo Freixo (PSOL-RJ), ou seja, um provável esquerdista. Como resultado, blogs bolsonaristas e apoiadores fiéis do presidente nas redes sociais começam a tentar boicotar a oficialização da atriz como secretária, ao mesmo tempo em que outras pessoas, contrárias ao governo Bolsonaro, aproveitam para reforçar a descrença em Duarte, utilizando seu vídeo recente como "evidência" de uma suposta falta de preparo. Qual é sua opinião sobre a nova secretária especial da Cultura? 

0
0
0
Sobre o autorMarcos Henderson
Publicitário, músico e, aqui, escrevo sobre o que as diferentes culturas têm a nos dizer. Como artista, celebro a força da arte e conto histórias do entretenimento. Twitter: @marhoscenderson