Com investimento bilionário, HBO Max mira Emmy e liderança na guerra do streaming

Nova plataforma de streaming pode definir mudanças significativas no setor.
Nova plataforma de streaming pode definir mudanças significativas no setor.

A expectativa para o lançamento oficial da HBO Max é alta no mundo inteiro, sobretudo nos Estados Unidos, que já terá a plataforma à disposição a partir do próximo dia 27 de maio. Trata-se de um investimento multibilionário da HBO, que domina a corrida do Emmy há anos e pretende, com a nova empreitada, alcançar marcas ainda mais impressionantes, mantendo-se à altura de rivais gigantescos na guerra do streaming e, possivelmente, atingindo patamares de liderança com o passar do tempo. 

A elegibilidade ao Emmy encerra no dia 31, dando à nova plataforma apenas quatro dias para entrar na corrida de prêmios em 2020. O tempo é mais que suficiente para inscrição das estreantes "Legendary", série sobre competição de voguing, e, principalmente, "Love Life", estrelada por Anna Kendrick. Veja os trailers:

Além disso, a HBO Max gera enorme ansiedade aos fãs de Friends que aguardam a reunião histórica do elenco original, que precisou ser adiada devido à pandemia. O resgate da sitcom dos anos 90 é uma das maiores apostas financeiras que rondam os bastidores da plataforma de streaming, que garante o investimento de US$ 4 bilhões da AT&T pelos próximos três anos. Isso inclui o custo de programação do serviço, bem como os ganhos perdidos da WarnerMedia com a direção de filmes e programas de TV para a HBO Max.

As principais preocupações giram em torno da possível queda da própria HBO no mercado da TV por assinatura, já que a rede de streaming deverá manter uma alta carga de distribuição global do conteúdo da WarnerMedia, além de agrupar assinaturas dos serviços da AT&T, transformando a HBO Max em um aglomerado poderoso recheado de conteúdo exclusivo. 

Apesar da grande expectativa, a HBO Max chega com um déficit gigantesco de produções, já que precisou pausar mais de 30 projetos por causa da pandemia, mas carrega consigo o peso do canal da WarnerMedia, que sempre emplaca filmes e séries a nível global. A plataforma chega em 27 de maio nos EUA, mas deve aparecer no Brasil apenas em 2021.

Comentários

HBO

Mais Séries