Ghost of Tsushima: Dicas, Gameplay e Análise do lançamento para PS4

Jogo aborda a primeira invasão dos mongóis no Japão, em 1274
Jogo aborda a primeira invasão dos mongóis no Japão, em 1274
PorMarcos Henderson17/07/2020 12h43

Ghost of Tsushima é o último grande lançamento exclusivo para PS4, e já chegou rodeado de ótimas críticas nesta sexta-feira (17), data do lançamento oficial. O jogo da Sucker Punch se passa na Ilha Tsushima durante a primeira invasão dos mongóis no Japão, em 1274; a ilha fica entre a Coréia e o Japão, e é o último trampolim para os mongóis chegarem ao continente. 

O foco das missões, especialmente os contos míticos (histórias secundárias, essencialmente) está centrado nos personagens, com Jin reunindo uma pequena quantidade de aliados em sua jornada para livrar a ilha dos mongóis, como o mestre de arco, Sensei Ishikawa, o comerciante Kenji, e a mãe, Masako, que possui um arco emocional genuíno, passando por praticamente todos os estágios do luto. Em Ghost of Tsushima, a riqueza de detalhes praticamente obriga o jogador a procurar novas informações e investir o tempo no gameplay, explorando o mapa e garantindo novas habilidades com cada missão secundária e novas descobertas. 

Jogo da Sucker Punch apresenta histórias secundárias que enriquecem os personagens
Jogo da Sucker Punch apresenta histórias secundárias que enriquecem os personagens
Jogo da Sucker Punch apresenta histórias secundárias que enriquecem os personagens

Desde o anúncio do jogo, tem sido difícil não desviar o olhar de um estúdio ocidental usando um ponto muito específico da história japonesa como cenário principal. A Ubisoft já faz isso com Assassin's Creed há bastante tempo, mas contorna o problema com o aviso no início de cada um desses jogos (“este trabalho de ficção foi projetado, desenvolvido e produzido por uma equipe multicultural de várias religiões e crenças”) e assumindo personagens que fazem parte tanto do mito quanto da história.

Primeiro ato do jogo inclui treinamentos e missões de exploração
Primeiro ato do jogo inclui treinamentos e missões de exploração
Primeiro ato do jogo inclui treinamentos e missões de exploração

É compreensível que a Sucker Punch claramente não queira ofender por distorcer imagens de figuras históricas da vida real. Tem que haver algum respeito pela cultura que eles estão debatendo e compreensão do peso de trazer esse determinado período da história à tona na trama principal do jogo. Segundo críticos japoneses, Ghost of Tsushima realmente faz um bom trabalho - especialmente em comparação com as representações mais exóticas do país em outras mídias ocidentais.

No início do jogo, as principais dicas para iniciantes consistem em: ter paciência para aprender as habilidades, interagir com outros personagens, aprender a vantagem de cada uma das armaduras disponíveis em "Outfits" e explorar o mapa o máximo que puder, pois cada ação, seja primária ou secundária, desencadeará ganhos valiosos no decorrer da jogatina. 

+Jogo

Sobre o autorMarcos Henderson
Publicitário, músico e, aqui, escrevo sobre o que as diferentes culturas têm a nos dizer. Como artista, celebro a força da arte e conto histórias do entretenimento. Twitter: @marhoscenderson