Mundo Mistério: Youtuber Felipe Castanhari estreia série sobre ciência na Netflix

A série conta com oito episódios de assuntos variados discutidos com aporte científico
A série conta com oito episódios de assuntos variados discutidos com aporte científico
PorMarcos Henderson04/08/2020 07h36

O youtuber Felipe Castanhari, do Canal Nostalgia, agora assume a posição de criador, diretor e produtor da série "Mundo Mistério", que já está disponível nesta terça-feira (4), na Netflix. A obra resgata velhas discussões e acrescenta novas incógnitas da sociedade para voltar a instigar as mentes curiosas espalhadas pelo mundo, de forma educativa, divertida e visualmente atrativa. 

Em entrevista na época em que o trailer foi divulgado pela Netflix, Castanhari afirmou que a série tem a intenção de mostrar que mistérios popularmente atrelados a coisas sobrenaturais, podem ser explicados pela ciência. "Mundo Mistério" também conta com personagens fictícios, como a doutora Tay (Lilian Regina), o zelador Betinho (Bruno Miranda) e até uma inteligência artificial chamada B.R.I.G.G.S, interpretada pelo renomado dublador Guilherme Briggs, responsável por vozes icônicas do cinema e dos desenhos animados, como Buzz Lightyear e Optimus Prime, de Toy Story e Transformers, respectivamente.

Lilian Regina é a Dra. Tay, e Bruno Miranda é o zelador Betinho
Lilian Regina é a Dra. Tay, e Bruno Miranda é o zelador Betinho
Lilian Regina é a Dra. Tay, e Bruno Miranda é o zelador Betinho

É interessante, também, como Castanhari brinca com a mudança de cenário, inserindo, no início do primeiro episódio, alguns pequenos trechos posicionado em um ângulo fixo semelhante a um formato convencional adotado no YouTube, mas, pouco antes da apresentação oficial do programa, a câmera se desloca sutilmente em direção ao apresentador, e ao voltar da abertura, inicia o formato cinematográfico adotado na produção. 

Castanhari assume uma apresentação mais dinâmica em formato cinematográfico
Castanhari assume uma apresentação mais dinâmica em formato cinematográfico
Castanhari assume uma apresentação mais dinâmica em formato cinematográfico

Ao lado de Rob Gordon e Israel Mota, Castanhari também assina o roteiro de "Mundo Mistério" e insere com sua explosão de ideias na direção uma sensação de conexão muito satisfatória com a proposta daquele que criou um canal no YouTube focado em nostalgia, no bom sentido da palavra. A série mira exatamente neste fator e consegue destacar, com criatividade, pontos curiosos da cronologia histórica da ciência, como "Os Mistérios do Triângulo das Bermudas", título do primeiro episódio, e a Grande Peste , retratada no segundo episódio, intitulado "Os 20 Milhões de mortos da Grande Peste". 

Mais à frente, a série começa a se aprofundar em conversas mais expansivas, como viagem no tempo e apocalipse zumbi, além de, ironicamente, voltar milhares de anos no tempo para desvendar o surgimento dos cães a partir dos primeiros registros de aproximação entre humanos e lobos. 

Animações ajudam a ilustrar as discussões nos episódios
Animações ajudam a ilustrar as discussões nos episódios
Animações ajudam a ilustrar as discussões nos episódios

Nos três últimos episódios, Felipe Castanhari decide criar uma nova perspectiva com discussões sobre uma possível extinção humana, superinteligência artificial e aquecimento global, mostrando que a nostalgia pode se unir às reflexões sobre o futuro, assim como ele pode abraçar novos caminhos, adotando uma nova linguagem de comunicação com o público, sem perder as qualidades que fizeram seu canal no YouTube se transformar no que é atualmente, com mais de 13 milhões de inscritos. 

+Netflix

Comentários

Sobre o autorMarcos Henderson
Publicitário, músico e, aqui, escrevo sobre o que as diferentes culturas têm a nos dizer. Como artista, celebro a força da arte e conto histórias do entretenimento. Twitter: @marhoscenderson