Wassef e Zanin: Advogados de Bolsonaro e Lula são alvos da Lava Jato

Operação investiga desvios de pelo menos R$ 150 milhões do Sistema S do Rio de Janeiro
Operação investiga desvios de pelo menos R$ 150 milhões do Sistema S do Rio de Janeiro
PorMarcos Henderson09/09/2020 11h29

A Operação Lava Jato iniciou uma nova fase nesta quarta-feira (9), com 50 mandados de busca e apreensão na Operação E$quema S, que investiga desvios de pelo menos R$ 150 milhões do Sistema S do Rio de Janeiro através de escritórios de advocacia no RJ e São Paulo. Entre os alvos, estão Frederick Wassef (ex-representante da família Bolsonaro), Ana Tereza Basílio, que representa Wilson Witzel, e Roberto Teixeira e Cristiano Zanin, advogados do ex-presidente Lula

De acordo com informações do Ministério Público Federal (MPF), parte dos pagamentos foi realizado sob contratos de prestação de serviços advocatícios "ideologicamente falsos", também declarando que esses documentos não eram formalizados, nem submetidos a critérios técnicos que normalmente são obrigatórios para dar continuidade às prestações de serviços. 

Ana Tereza Basílio e Roberto Teixeira também são alvos da operação
Ana Tereza Basílio e Roberto Teixeira também são alvos da operação
Ana Tereza Basílio e Roberto Teixeira também são alvos da operação

Entre os 50 mandados, a denúncia do MPF possibilitou que 26 pessoas se tornassem rés, a mando do juiz federal Marcelo Bretas. As investigações prévias mostram que o escritório Eluf e Santos, um dos alvos da operação, teria sido contratado no esquema de repasses indevidos a Wassef, que não chegou a ser denunciado pelo MPF. 

Os mandados de busca e apreensão foram cumpridos no Rio de Janeiro, em São Paulo e no Distrito Federal. 

A denúncia oficial apresenta uma série de levantamentos que apontam as movimentações ilegais de recursos em esquema supostamente liderado pelo ex-presidente da seção fluminense do Sistema S, Orlando Diniz, que já havia sido preso em 2018 sob suspeita de corrupção, lavagem de dinheiro e participação em sociedade criminosa. 

+Lava Jato

Comentários

Sobre o autorMarcos Henderson
Publicitário, músico e, aqui, escrevo sobre o que as diferentes culturas têm a nos dizer. Como artista, celebro a força da arte e conto histórias do entretenimento. Twitter: @marhoscenderson