Diário 24 Horas

Yu-Gi-Oh: a trajetória e o legado de Takahashi Kazuki

Autor faleceu aos 60 anos deixando uma legião de fãs.

Trajetória do autor começou na década de 80. Fonte: Jody Cortes/Divulgação e Reprodução/Twitter
Trajetória do autor começou na década de 80. Fonte: Jody Cortes/Divulgação e Reprodução/Twitter
Samuel Zadoque
PorSamuel Zadoque

Takahashi Kazuki começou a sua trajetória na indústria nos anos 80, encontrando sucesso quando criou Yu-Gi-Oh!, que começou a ser publicado em 1996. O mangá levou à criação do anime e do jogo de cartas de mesmo nome, ambos muito bem-sucedidos ao redor do mundo, deixando um legado para os fãs.

O mangá foi publicado inicialmente na Weekly Shonen Jump entre os anos de 1996 e 2004, e conta a história de Yugi, um adolescente que recebe de presente um quebra-cabeça que contém o espírito de um faraó egípcio que se apodera do corpo do jovem.

No Brasil, o mangá foi publicado pela JBC, tendo seu pré-lançamento no dia 13 de Julho de 2006 durante o Anime Friends em São Paulo, logo após isso no dia 25 de Julho o mangá foi lançado nas bancas, e teve seu último volume estreando em Fevereiro de 2010.

Após o sucesso dos mangás, o mundo de Yu-Gi-Oh Duel Monster, ou simplesmente Yu-Gi-Oh ganhou as telinhas no ano de 2000 sendo exibido na extinta Tv Globinho. Em pouco tempo, a animação se tornou um sucesso estrondoso no Brasil e, além do desenho, do próprio mangá e de videogames, foi lançado um jogo de cartas inspirado na franquia.

Anime foi sucesso durante os anos 2000. Fonte: Reprodução/Youtube
Anime foi sucesso durante os anos 2000. Fonte: Reprodução/Youtube
Anime foi sucesso durante os anos 2000. Fonte: Reprodução/Youtube

Em paralelo ao grande sucesso nas telinhas, Yu-Gi-Oh estreou também nos cinemas primeiramente com o filme homônimo lançado em março de 1999 conta a história de Shogo, um garoto que é perseguido por Seto Kaiba, após obter a poderosa carta “Dragão Negro de Olhos Vermelhos”. 

Yu-Gi-Oh! The Movie: Pyramid of Light, ou simplesmente Yu-Gi-Oh! The Movie foi lançado somente para o ocidente em 13 de agosto de 2004 pela 4Kids devido ao grande sucesso da franquia nos EUA. O filme conta sobre a batalha de Yugi contra Anúbis, o deus egípcio dos mortos.No Brasil o filme foi lançado no dia 03 de Setembro de 2004.

Yu-Gi-Oh! Bonds Beyond Time foi um filme 3D criado em alusão aos 10 anos da franquia sendo lançado em 26 de fevereiro de 2011 e apresenta um enredo original que reúne os personagens principais das três primeiras séries: Yugi Muto de Duel Monsters, Jaden Yuki de Yu-Gi-Oh! GX e Yusei Fudo de Yu-Gi-Oh! 5D's, lutando contra um novo inimigo chamado Paradox, em uma batalha que vai decidir o passado, presente e futuro.

Porém, além das conquistas, Yu-Gi-Oh também enfrentou polêmicas no Brasil, igrejas evangélicas por todo o país começaram a afirmar que Yu-Gi-Oh era um baralho satânico, principalmente porque o jogo utilizava termos como “monstros e armadilhas”. O que começou como um pequeno boato ganhou grandes proporções após Gilberto Barros acusar o jogo de praticar satanismo em seu programa na TV Bandeirantes, o Boa Noite Brasil. 

Em 2015, Takahashi Kazuki foi premiado com o Inkpot Award da Comic-Con International por sua contribuição aos quadrinhos. O autor deixa um grande legado para os milhões de fãs da franquia, que ainda continua viva em seus corações. 

ComentáriosO que você achou?
TV e Celebridades
Últimas