Ministério do Esporte, Caixa e CBF anunciam investimentos no futebol feminino

Ministério do Esporte, Caixa e CBF anunciam investimentos no futebol feminino
Diário 24 Horas
PorDiário 24 Horas

Cristina Indio do Brasil
Repórter da Agência Brasil

Rio de Janeiro-  Uma parceria do Ministério do Esporte com a Caixa Econômica Federal e a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) vai incentivar o futebol feminino brasileiro. O principal investimento, anunciado hoje (16), é  um acordo para que o campeonato brasileiro da modalidade volte a ser disputado no país. A competição nacional que não ocorria desde 2001.

O patrocínio da Caixa exclusivo para o campeonato brasileiro de 2013, que vai ter jogos até 1º de dezembro, será R$ 10 milhões. A marca do banco estará exposta nas camisas das atletas, que estarão divididas em 20 times de 13 estados mais o Distrito Federal. 

As despesas dos clubes com passagens aéreas com distâncias acima de 500 quilômetros,  de ônibus leito até esta distância e alimentação em hotéis serão cobertas pelo patrocínio. A CBF vai garantir o mesmo esquema de estádios para os jogos do campeonato masculino. Terá arbitragem profissional e sistema de ambulância para atendimentos de emergência. Com a volta da competição, o país terá Campeonato Brasileiro e Copa do Brasil.

O ministro do Esporte, Aldo Rebelo, que estava na cerimônia na sede da CBF, na zona oeste do Rio de Janeiro, espera que o patrocínio possa ser estendido para outros anos para que a competição entre no calendário fixo do esporte. "Estou feliz em anunciar um campeonato. É uma grande coisa. É também a base em que pode se apoiar o estimulo de competições futuras", disse. Para o ministro, o campeonato poderá ser um marco para valorizar a presença da mulher no esporte e aumentar o número de medalhas nas Olimpíadas.

O diretor de competições da CBF, Virgílio Elísio, admitiu que a competição será curta em comparação ao campeonato masculino, mas disse que foi o possível a ser feito no momento. "Era uma situação de pegar ou largar. Se ele escapulisse desta quarta e ficasse para a outra, talvez não fizéssemos mais", explicou dizendo que havia dificuldade na montagem das equipes e na definição de patrocínio.

O último Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino foi disputado em 2001 e teve como campeão o Santa Isabel, de Minas Gerais. Daí em diante, a única competição de futebol feminino de nível nacional no país é a Copa do Brasil, que começou em 2007 e é disputada no sistema mata-mata (jogos eliminatórios de ida e volta). O campeonato brasileiro é por pontos corridos. O último campeão da Copa do Brasil foi o São José, de São Paulo, este ano.

Mesmo com pouco apoio, a Seleção Brasileira de Futebol Feminino conquistou medalha de ouro nos Jogos Pan-Americanos de 2003, em Santo Domingo, na República Dominicana, e em 2007, no Rio de Janeiro. As brasileiras foram medalha de prata nas Olimpíadas de 2004, em Atenas, e de 2008, em Pequim, e vice-campeãs no Mundial da China, em 2007. Com sete gols, Marta foi a artilheira do Mundial.

Edição: Fábio Massalli

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 3.0 Brasil. Para reproduzir o material é necessário apenas dar crédito à Agência Brasil

Comentários

O que você achou?
0GosteiGostei
0HahaHaha
0TristeTriste
0DetesteiDetestei
0AmeiAmei
0AffAff