Beijo gay entre José Mayer e Klébber Toledo em "Império" é vetado pela segunda vez: "Houve consenso"

Beijo gay entre José Mayer e Klébber Toledo em "Império" é vetado pela segunda vez: "Houve consenso"
Carol Souza
PorCarol Souza

A nova trama das 21h da Rede Globo, "Império" estreou há pouco menos de um mês e já está superando expectativas, principalmente após os baixos índices de "Em Família", sua antecessora, que teve Bruna Marquezine - aniversariante do dia - e Julia Lemmertz como proagonistas.

Entretanto, não é porque a trama vai bem, que esteja livre de mudanças, cortes e adaptações.

Na última sexta-feira (1), uma cena na qual o personagem do ator José Mayer se encontra com seu amante, personagem interpretado pelo jovem ator Klebber Toledo, causou verdadeiro alvoroço nas redes sociais e na web. Porém, mesmo com a resposta mais do que positiva do público, a emissora decidiu adiar o primeiro beijo gay do casal.

De acordo com informações do jornal "Extra", a cena do beijo deveria ir ao ar hoje, segunda-feira (4), porém foi vetada pela direção do canal, que confirmou o corte até mesmo em um comunicado. Na nota, a Central Globo de Comunicação (CGCOM) confirmou o veto de última hora no roteiro. "Houve consenso em não ter um beijo na realização das cenas".

Ainda segundo descrito no texto, o autor Aguinaldo Silva teria pensado melhor, e resolvido apresentar primeiro a história da dupla no decorrer da trama, para só depois exibir momentos mais íntimos, como o casal homossexual se beijando.

Decidido isto, a cena iria ao ar no dia 12 de agosto, mas novamente foi vetada, o que não deve atrapalhar o desenrolar da trama. Os dois se "beijarão" sim, porém o público não verá. Conforme divulgado, os personagens Cláudio e Leonardo estarão em um local público e Érika, jornalista vivida pela atriz Letícia Birkheuer, fotografará o momento do beijo na rua, mandando a imagem para o blogueiro Téo Pereira, personagem de Paulo Betti.

Logo depois do beijo e da demostração de carinho, Cláudio e Leonardo serão hostilizados na rua por um grupo de adolescentes, que além de expor os dois, ainda os ofenderá com gritos. 

"A novela aborda o conflito de um personagem que mantém uma vida dupla e não consegue se assumir publicamente. Como a discussão não está na intimidade dos personagens, houve consenso em não ter um beijo na realização da cena", justificou a CGCOM.

Comentários

O que você achou?