Ator que deu vida a Cirilo da primeira versão de "Carrossel", revela ter decepado dedo em crise de esquizofrenia

Ator que deu vida a Cirilo da primeira versão de "Carrossel", revela ter decepado dedo em crise de esquizofrenia
Carol Souza
PorCarol Souza

Pedro Javier Vivero, ator que hoje está com 33 anos de idade, e que ficou conhecido ainda na infância por dar vida ao Cirilo, da primeira versão da novela "Carrossel", chocou muita gente nesta semana ao revelar em entrevista ao programa "Tá na Tela", da Band, que decepou o dedo mindinho de sua mão esquerda com um serrote durante uma crise de esquizofrenia.

A doença foi diagnosticada quando ele tinha 23 anos e foi um dos motivos para o mesmo não ter seguido a carreira de ator. Atualmente, ele trabalha em uma produtora de vídeos e se formou em Ciências da Comunicação.

Já diagnosticado e tomando remédios de tarja preta para a esquizofrenia, ele teve uma crise e achou que estava sendo perseguido.

"Foi uma situação muito forte e dolorosa. Foi uma sensação de delírio mental fortíssimo. Há dez anos tive um delírio, me sentia ameaçado. De repente, no processo de quebra psíquica, em absoluta falta de consciência. Foi o maior drama da minha vida", contou o ex-astro mirim.

Com informações do portal D24am.

Comentários

O que você achou?