Disney muda programação de lançamentos, incluindo filmes da Marvel, "Mulan" e mais

O Coronavírus também forçou alterações de datas para 'The French Dispatch' de Wes Anderson, 'Jungle Cruise' e 'Free Guy'
O Coronavírus também forçou alterações de datas para 'The French Dispatch' de Wes Anderson, 'Jungle Cruise' e 'Free Guy'

Depois de retirar vários filmes altamente aguardados de sua programação devido à pandemia de coronavírus, a Disney revelou nesta sexta-feira (03) novas datas de lançamento de suas próximas produções, que se estendem até 2022.

Um dos maiores lançamentos de 2020 da casa do Mickey, "Mulan" já havia perdido a data prevista para 27 de março e agora chegará aos cinemas em 24 de julho. Isso pode ser considerado um pouco otimista, dada a trajetória da pandemia, mas como a indústria cinematográfica deve perder US$ 20 bilhões por causa da crise de saúde, talvez um pouco de esperança não seja ruim.

O truque é que o dia 24 de julho estava sendo anteriormente ocupado por "Jungle Cruise", a adaptação para o parque da Disney estrelada por Dwayne Johnson e Emily Blunt. Esse filme foi adiado por ano inteiro, pulando pata para 30 de julho de 2021. É assim que se espera que os dominós caiam por toda Hollywood, como é evidente, pela grande mudança nos próximos filmes do Universo Cinematográfico da Marvel.

A "Viúva Negra" saiu da data de 1º de maio e está com lançamento previsto para dia 6 de novembro. Essa data, é claro, costumava pertencer aos "Eternos", que se mudaram para 12 de fevereiro de 2021. Isso empurra "Shang-Chi e a Lenda dos Dez Anéis" para 7 de maio de 2021, o que força o "Doutor Estranho no Multiverso da Loucura" a pular para 5 de novembro de 2021. "Thor: Love and Thunder" voa dessa data para aterrissar em 28 de fevereiro de 2022. Felizmente, isso é tão longe quanto a reação em cadeia do MCU se estende, já que "Pantera Negra 2" ainda está mirando em 6 de maio de 2022 e o "Capitã Marvel 2" na verdade, foi adiado por apenas duas semanas, chegando em 8 de julho de 2022.

Em outra jogada interessante, a Disney optou por adiar o lançamento nas telonas de "Artemis Fowl", a adaptação dirigida por Kenneth Branagh dos romances de Eoin Colfer, estrelada por Colin Farrell, Ferdia Shaw, Josh Gad e Judi Dench. Em vez de entrar nos cinemas no dia 29 de maio, o filme vai diretamente para o Disney + em uma data que anda não foi revelada. Originalmente, o longa estava destinado a um lançamento em 9 de agosto de 2019, antes de um atraso não relacionado à pandemia.

Enquanto isso, com Ryan Reynolds como protagonista, "Free Guy" mudou de 3 de julho para 11 de dezembro, enquanto "The French Dispatch" de Wes Anderson mudou de 14 de julho para 16 de outubro. E para finalizar, os planos para o quinto filme de "Indiana Jones" mudaram de 9 de julho de 2021 para 29 de julho de 2022. James Mangold segue negociações para dirigir, como noticiado há algumas semanas.

Toda essa reorganização não afetou os lançamentos planejados de "West Side Story", de Steven Spielberg (18 de dezembro) ou "The Last Duel", de Ridley Scott (25 de dezembro). No entanto, alguns títulos ainda precisam ser re-datados: "The Personal History of David Copperfield", "Antlers", "Mulher na Janela" e o eternamente atrasado "Os Novos Mutantes".

Comentários

Disney

Mais Cinema