WhatsApp Pagamentos é seguro? Veja como funciona o novo recurso

Recurso começa a ser utilizado com exclusividade no Brasil
Recurso começa a ser utilizado com exclusividade no Brasil
PorMarcos Henderson15/06/2020 12h07

Nesta segunda-feira (15), Mark Zuckerberg anunciou o lançamento do recurso Pagamentos no WhatsApp, com funcionamento exclusivo no Brasil. "Enviar dinheiro será tão fácil quanto compartilhar fotos", disse o empresário, que também abriu possibilidades para pequenas empresas realizarem vendas diretas pelo aplicativo de mensagens instantâneas. Para isso, foi criada a ferramente Facebook Pay, que teoricamente oferece aos usuários uma forma consistente e segura de fazer pagamentos, com parcerias atreladas ao Banco do Brasil, Nubank, Sicredi e Cielo. 

O questionamento principal dos internautas gira em torno da segurança da função, já que o WhatsApp é um dos principais palcos de ação para os golpistas no país. Centenas de milhares de publicações no Twitter levantam dúvidas sobre o funcionamento do novo recurso e quais são os pré-requisitos para utiliza-lo. 

Como funciona? 

O usuário interessado deverá fazer um cadastro no Facebook Pay, inserindo dados de um cartão de uma das instituições financeiras parceiras, dados pessoais como CPF e nome, além de uma senha numérica de 6 dígitos, que será utilizada como chave de confirmação nas transações.

Para validar o cadastro, a função enviará um código de confirmação por SMS, e-mail ou App do próprio banco referente ao cartão cadastrado. Segundo informações do WhatsApp, os dados do cartão passam por um processo de criptografia que impede o cruzamento das informações com usuários maliciosos. 

Para usuários comuns, as transferências serão 100% gratuitas e administradas pela Cielo, com limite de R$ 1 mil por transação e R$ 5 mil por mês, podendo realizar até 20 transações por dia.

Já para donos de negócios que utilizam o WhatsApp Business, a função de pagamentos cobra a taxa fixa de 3,99% por transação e também exige uma conta Cielo para que seja possível realizar transações de débito e crédito ilimitadas, além de garantir o direito a reembolsos e suporte técnico. 

+App

Comentários

Sobre o autorMarcos Henderson
Publicitário, músico e, aqui, escrevo sobre o que as diferentes culturas têm a nos dizer. Como artista, celebro a força da arte e conto histórias do entretenimento. Twitter: @marhoscenderson