Emancipation: Filme com Will Smith é comprado pela Apple por US$ 105 milhões

O astro dá vida a Peter, escravo afro-americano que escapou de uma plantação da Louisiana durante a Guerra Civil
O astro dá vida a Peter, escravo afro-americano que escapou de uma plantação da Louisiana durante a Guerra Civil
PorMarcos Henderson01/07/2020 14h29

Após uma guerra de ofertas durante toda a semana, a Apple optou por adquirir os direitos de "Emancipation", um filme ambientado na época da Guerra Civil, estrelado por Will Smith como escravo fugitivo, pelo valor de US$ 105 milhões. A CAA Media Finance e a FilmNation Entertainment estavam lidando com as vendas do pacote, que inclui um roteiro de Bill Collage, centrado na fuga de Peter, um escravo que deve superar os inimigos nos pântanos da Louisiana durante uma perigosa jornada ao norte, onde ele se junta ao exército da união.

O roteiro é baseado em uma história verdadeira e inspirado em uma imagem das cicatrizes do escravo da vida real Peter depois de ser chicoteado em uma plantação no sul. Embora o filme tenha ressonância histórica, ele é considerado um thriller de ação, girando principalmente nos 10 dias angustiantes de Peter, tentando sobreviver no pântano como um fugitivo.

"Foi a primeira imagem viral da brutalidade da escravidão que o mundo viu", disse o diretor Antoine Fuqua em entrevista ao Deadline. “O que é interessante, quando você coloca em perspectiva as mídias atuais e sociais e o que o mundo está vendo, novamente. Você não pode consertar o passado, mas pode lembrar as pessoas do passado e acho que precisamos, de maneira precisa e real. Todos temos que procurar um futuro melhor para todos nós, para todos. Essa é uma das razões mais importantes para fazer as coisas agora, é mostrar a nossa história. Temos que encarar a nossa verdade antes que possamos avançar”, completou o cineasta. 

O interesse no filme foi reforçado pelo atual acerto de contas sobre a brutalidade policial e o racismo sistêmico nos EUA, com protestos ganhando força após a morte de George Floyd, em Minneapolis. "Emancipation" foi, sem dúvida, um dos projetos mais importantes do mercado virtual de Cannes deste ano. "O escritor, Bill Collage, realmente se aprofundou nisso", disse Fuqua. "Documentos históricos e também informações dos diários de Peter que ele mantinha. É baseado em fatos históricos. Quando li o roteiro, pensei: que jornada incrível, um filme comovente e emocionante de se ter uma oportunidade de fazer". A produção deve ser iniciada somente em 2021. 

+Filme

Comentários

Sobre o autorMarcos Henderson
Publicitário, músico e, aqui, escrevo sobre o que as diferentes culturas têm a nos dizer. Como artista, celebro a força da arte e conto histórias do entretenimento. Twitter: @marhoscenderson