Yubo, a rede social da geração Z, espera dobrar receita em 2020

A rede social voltada para jovens até 25 anos continua crescendo no mercado mundial
A rede social voltada para jovens até 25 anos continua crescendo no mercado mundial
PorMarcos Henderson18/11/2020 14h50

Yubo é um dos novos aplicativos de mídia social mais promissores do mundo e, ao mesmo tempo, desconhecido entre uma parte considerável das pessoas, a não ser que você seja um adolescente. Com foco em jovens até no máximo 25 anos, a startup francesa conseguiu atrair 40 milhões de usuários que, diariamente, interagem através de salas de streaming ao vivo e outros recursos presentes no app, que também oferece opções de compra para os usuários que pretendem garantir ferramentas extras. 

A expectativa da empresa é de que a receita, em 2020, seja de aproximadamente US$ 20 milhões, o dobro do que foi registrado em 2019. Recentemente, o Yubo fechou uma rodada de financiamento Série C de US$ 47,5 milhões liderada pelos investidores de alto risco Idinvest Partners, Iris Capital, Alven, Sweet Capital e Gaia Capital Partners. Jerry Murdock, da Insight Partners, não está investindo na empresa, mas está entrando para o conselho.

Conheça o Yubo

Yubo - Recursos
Yubo - Recursos
Yubo - Recursos

O aplicativo francês é uma rede social que pretende reverter a tendência atual do ramo, na medida em que não é possível seguir outros usuários, nem "curtir" uma publicação. Mídias como YouTube, Instagram, Vine, Twitter, TikTok e até mesmo o LinkedIn apostam em um palco virtual que acaba gerando monopólios automáticos para grandes influenciadores, enquanto o grande público fica responsável pelo consumo em si. Yubo não procura artistas. O app auxilia o usuário a conhecer outras pessoas, jogar, sair e criar novas amizades. 

Ao abrir o aplicativo, você obtém uma lista de salas das quais pode entrar. Os usuários podem transmitir ao vivo de seus telefones e bater um papo com outros usuários. Você entra em salas dependendo do que está procurando - pessoas locais, pessoas falando sobre política, pessoas jogando games, etc.

“Em 95% das salas, há apenas streamers. As salas têm entre 5 e 10 pessoas em média”, disse-me o cofundador e CEO Sacha Lazimi. Você pode adicionar pessoas como amigos e bater um papo com eles no aplicativo. Além das salas, você pode encontrar novos amigos deslizando para a esquerda e para a direita nas páginas de perfil, recurso muito semelhante ao Tinder. 

Com compras e assinaturas no aplicativo, você obtém recursos adicionais. Por exemplo, você pode aumentar sua transmissão ao vivo, promover seu perfil na página Swipe ou apresentar seu perfil no topo da seção online. É uma forma de atrair mais pessoas para sua sala, receber mensagens de mais usuários e ter mais interações em geral.

Com um público tão jovem, a moderação é extremamente importante. A empresa tem investido fortemente em processos de moderação em tempo real e tenta cumprir regras rígidas. Quando você se inscreve, Yubo verifica sua identidade para colocá-lo na faixa etária certa.

3
Gostei
Haha
Triste
Detestei
Amei
Aff
Gostei
Comentar

+Aplicativo

Sobre o autorMarcos Henderson
Publicitário, músico e, aqui, escrevo sobre o que as diferentes culturas têm a nos dizer. Como artista, celebro a força da arte e conto histórias do entretenimento. Twitter: @marhoscenderson