Diário 24 Horas

Black Fraude? Veja dicas de como evitar golpes na Black Friday

A Black Friday começa oficialmente na próxima sexta-feira, 27
A Black Friday começa oficialmente na próxima sexta-feira, 27
PorMarcos Henderson

A Black Friday 2020 está programada para a próxima sexta-feira (27), mas diversas lojas já apostam em ofertas durante o mês de novembro inteiro, ao passo que outras aguardam pela chegada do dia oficial para ampliar as oportunidades para os clientes. No entanto, são praticamente incontáveis as opções de lojas online disponíveis para navegar e escolher seus itens preferidos, o que pode tornar a experiência problemática para os usuários menos familiarizados com o ambiente de compras virtuais, sobretudo porque vários sites se aproveitam da data para enganar os internautas. Pensando nisso, o Diário 24 Horas separou algumas dicas para fugir de golpes e evitar o que ficou conhecido no Brasil como "Black Fraude". Veja abaixo:

1. Procure lojas certificadas

Certificados de segurança geralmente são exibidos no rodapé do site
Certificados de segurança geralmente são exibidos no rodapé do site
Certificados de segurança geralmente são exibidos no rodapé do site

Uma forma de garantir que a loja encontrada oferece um ambiente de compra confiável é verificar se ela possui algum certificado de segurança e blindagens contra ataques. Essa informação geralmente é disposta no rodapé do site. 

2. Compare preços

Comparar preços de um mesmo produto ajudar a refinar os melhores resultados
Comparar preços de um mesmo produto ajudar a refinar os melhores resultados
Comparar preços de um mesmo produto ajudar a refinar os melhores resultados

O passo 1 é o básico, mas infelizmente, até mesmo as lojas certificadas podem dar um jeito de fazer você pensar que está garantindo um bom desconto, e não é à toa que a Black Friday vira motivo de piada todos os anos no Brasil. Portanto, para ter a certeza de que está conseguindo um bom negócio, compare o preço do produto com várias outras lojas, e não se atente apenas a uma loja específica para usufruir da Black Friday. Nossa recomendação é separar sua lista de lojas seguras preferidas e "garimpar" os produtos em cada uma delas. 

3. Seja ágil

Recursos de abas e múltipla visualização de janelas podem ajudar na agilidade
Recursos de abas e múltipla visualização de janelas podem ajudar na agilidade
Recursos de abas e múltipla visualização de janelas podem ajudar na agilidade

Muita gente procura descontos na Black Friday, isso já é mais que nítido todos os anos. Essa grande procura faz com que as oportunidades sejam perdidas muito rapidamente nos casos em que a oferta é, de fato, imperdível. Quanto mais rápido você for, mais chances de "vencer" diante do comprador concorrente. Mas lembre-se da dica número 2: compare sempre os preços, pois o que pode ser mostrado como "50% de desconto" pode não ser tudo isso. Para quem puder utilizar um computador, o recurso de "abas" pode facilitar muito a agilidade para conclusão do pedido, além de também auxiliar nas comparações de preços. 

4. Cuidado com links de ofertas nas redes sociais

Ofertas muito boas devem ser suspeitadas
Ofertas muito boas devem ser suspeitadas
Ofertas muito boas devem ser suspeitadas

Você já deve ter se deparado com algum link de oferta da Black Friday nas redes sociais, mas saiba que muitas dessas ofertas que surgem nas redes sociais são falsas e podem gerar uma dor de cabeça muito grande no futuro. Algumas delas aparecem em perfis não oficiais e apresentam propostas tentadoras para o consumidor. Cheque a procedência de qualquer link antes de sequer abri-lo. Na dúvida, entre diretamente na loja e verifique se a promoção existe mesmo. 

5. Use Aba Anônima no navegador

A navegação anônima está disponível no Chrome através do atalho Ctrl + Shift + N
A navegação anônima está disponível no Chrome através do atalho Ctrl + Shift + N
A navegação anônima está disponível no Chrome através do atalho Ctrl + Shift + N

Ao usar o recurso de "navegação anônima" disponível na maioria dos principais navegadores, o usuário poderá manter as lojas em ambiente neutro, sem ofertas personalizadas de acordo com as atividades diárias. Isso porque nossos aparelhos, hoje em dia, estão sempre conectados ao e-mail, localização e outros recursos que fornecem às lojas a oportunidade de gerar conteúdos que, segundo interpretação dos seus algoritmos, vão chamar mais atenção e, consequentemente, ampliar as oportunidade de venda. Com a aba anônima, você fica livre de qualquer tipo de convencimento da loja e navega livremente pelas ofertas, sem personalização. 

+Comércio

Sobre o autorMarcos Henderson
Publicitário, músico e, aqui, escrevo sobre o que as diferentes culturas têm a nos dizer. Como artista, celebro a força da arte e conto histórias do entretenimento. Twitter: @marhoscenderson