Oxigênio | Filme da Netflix com Mélanie Laurent ostenta 95% de aprovação no Rotten Tomatoes

O novo thriller da Netflix coloca a atriz Mélanie Laurent em atuação solo dentro de uma cápsula criogênica
O novo thriller da Netflix coloca a atriz Mélanie Laurent em atuação solo dentro de uma cápsula criogênica
Marcos Henderson
PorMarcos Henderson

Colocar estrelas do cinema internacional dentro de uma câmara minúscula com oxigênio limitado não é uma novidade no mundo dos roteiros, mas o novo filme da Netflix com Mélanie Laurent, "Oxigênio", parece ter cativado a crítica especializada de vários países. Com 55 avaliações oficiais registradas no Rotten Tomatoes, a média de aprovação do longa-metragem no "Tomatometer" é de 95%, reunindo vários elogios e alertas sobre as fobias que podem ser despertadas nos espectadores. 

No filme, Liz (Mélanie Laurent) acorda em uma cápsula criogênica e não se lembra quem é ou como chegou lá, mas sabe que está ficando sem oxigênio e tem menos de uma hora para descobrir o porquê e tentar reconstruir sua memória para encontrar uma maneira de sair daquela situação.

Laurent atua praticamente sozinha no thriller, com um cenário restrito, ouvindo apenas a voz desencarnada de Mathieu Amalric. Ela consegue vender convincentemente o pânico da situação, além de gerar intrigas relacionadas à história de sua personagem. 

O diretor Alexandre Aja pode ser mais conhecido por seus horrores sangrentos, como "Piranha" e "Predadores Assassinos", mas "Oxigênio" o vê operando em um nível mais cerebral. O filme ainda tem seu quinhão de momentos de estremecimento, especialmente se você tem algumas fobias.

O título consegue ser ainda mais impressionante considerando que a trama se compromete com seu cenário único, exibindo como complemento alguns flashes da vida anterior de Liz. Ao longo do filme, você fica se perguntando se aqueles flashes são memórias ou a reação da mente dela às circunstâncias traumáticas.

Aja e o escritor Christie LeBlanc certamente acumulam reviravoltas que, após a primeira revelação chocante, de alguma forma acabam ficando ainda mais selvagens. "Oxigênio" consegue mantê-lo na tentativa de adivinhar o que está acontecendo até o desfecho, mas os mais atentos conseguirão desvendar alguns mistérios antes do clímax, devido à montagem objetiva de alguns quebras-cabeças ao longo da exibição.

"Oxigênio" já está disponível na Netflix. Assista ao trailer abaixo:

Comentários

O que você achou?
1GosteiGostei
0HahaHaha
0TristeTriste
0DetesteiDetestei
0AmeiAmei
0AffAff