Com show de Richarlison e falha de Santos, Brasil vence a Alemanha em Tóquio

A seleção brasileira venceu a Alemanha pelo placar de 4 a 2 e segue com moral para encarar a Costa do Marfim no próximo domingo (25)
A seleção brasileira venceu a Alemanha pelo placar de 4 a 2 e segue com moral para encarar a Costa do Marfim no próximo domingo (25)
PorMarcos Henderson

Brasil e Alemanha se enfrentaram nesta quinta-feira (22) pelas Olimpíadas Tóquio 2020, em um jogo marcado pela ótima atuação de Richarlison, que marcou, ainda no primeiro tempo, três gols para a seleção brasileira, que ainda chegou a entregar um gol aos adversários com uma falha do goleiro Santos, enganado pelo desvio da bola fraca disparada por Amiri na segunda etapa. Confira o resumo do jogo abaixo:

Com o placar final de 4 a 2, o Brasil se encaminha para o próximo jogo contra a Costa do Marfim com a moral elevada, sobretudo em meio à péssima imagem dos 7 a 1 contra a Alemanha na Copa do Mundo 2014, estampada até hoje nas redes sociais. 

Resumo do jogo

A seleção brasileira iniciou o jogo fornecendo grande perigo à defesa alemã, trocando passes precisos do meio de campo à grande área e dificultando a saída de bola dos adversários. Logo no primeiro minuto, o Brasil já chegava com perigo em uma série de cruzamentos envolvendo Antony e Guilherme Arana, mostrando como seria o ritmo do jogo dali em diante. 

Seguindo a pressão, a seleção brasileira marcou o primeiro gol aos 6 minutos, com gol de Richarlison. Aos 21 minutos, o Pombo marcou novamente após cruzamento preciso de Guilherme Arana. Pouco tempo depois, aos 29 minutos, Richarlison marcou de novo, batendo cruzado na entrada da grande área e tirando o goleiro alemão totalmente da jogada. 

No segundo tempo, o jogo esfriou, e as chances demoravam a sair, até que a seleção brasileira entregou um gol gratuito para a Alemanha aos 11 minutos, após um chute estranho de Amiri que quicou no chão e enganou o goleiro Santos, que acumulou críticas pela falha que propiciou o aumento do ritmo de jogo dos alemães. 

Aos 38 minutos do segundo tempo, mais um gol da Alemanha, desta vez em bola parada. Ache apareceu livre nas costas de Diego Carlos após o cruzamento e cabeçou direto para o fundo da rede do goleiro Santos. No último minuto de jogo, o Brasil marcou o quarto gol com Paulinho, que avançou desmarcado pela esquerda, ajeitou a bola e chutou direto no canto do gol, sem chances para o goleiro alemão. 

Comentários

O que você achou?
0GosteiGostei
0HahaHaha
0TristeTriste
0DetesteiDetestei
0AmeiAmei
0AffAff