Amazon Prime, Apple TV e Netflix irão diminuir transmissões em HD

O Brasil não deve ter diminuições na qualidade de transmissão por enquanto
O Brasil não deve ter diminuições na qualidade de transmissão por enquanto

Os serviços de streaming Amazon Prime e Apple TV irão seguir o Netflix na diminuição da qualidade de transmissão em HD de seus catálogos de filmes, séries e documentários na Europa. Essa medida foi tomada para garantir mais banda-larga à população em quarentena devido à pandemia do novo Coronavírus

As redes europeias estão sobrecarregadas com a quantidade de acessos utilizando o serviço, em especial demandando os streamings em alta qualidade. O Youtube também adotou esta medida para evitar a sobrecarga dos sistemas.

Em entrevista à revista Variety, o responsável pela Amazon informou: “Apoiamos a necessidade de um gerenciamento cuidadoso dos serviços de telecomunicações para garantir que eles possam lidar com o aumento da demanda da Internet com tantas pessoas agora em casa em período integral devido ao COVID-19".

Por enquanto, a Amazon não está reduzindo as taxas de bits do streaming de vídeo Prime nos EUA, ou em outras áreas fora da Europa e no Reino Unido, entretanto a empresa irá monitorar o problema em todo o mundo. A Apple TV também está adotando a medida somente para a Europa. O YouTube está mudando a reprodução de vídeo padrão nos países europeus para a qualidade de definição padrão e o Netflix estimou que pode obter uma redução de 25% no uso cortando as taxas de bits do vídeo.

O Brasil ainda está fora destas mudanças, mas muitos já estão sentindo o alta demanda de banda-larga pelo país.

Comentários

Leia também