Agust D desbanca Lady Gaga e Ariana Grande com “D-2”

Praticamente todas as músicas do novo álbum estão no TOP 10 do iTunes
Praticamente todas as músicas do novo álbum estão no TOP 10 do iTunes

O rapper Agust D lançou ontem (22), seu álbum “D-2” e desbancou as cantoras pops Lady Gaga e Ariana Grande com a música “Rain On Me” do iTunes mundial. A música “Daechwita” de Agust D debutou em primeiro e outras oito canções suas no estão no Top 10 da plataforma.

Popularmente conhecido como Suga, membro do grupo de Kpop BTS, o cantor lançou seu álbum com 10 músicas e veio acompanhado de um videoclipe da faixa "Daechwita". Em entrevista à revista Time, disse: "Posso me expressar mais abertamente e mostar um lado cru meu. Mas (assim como no BTS), também canto sobre sonhos e esperança".

Com um debut aclamado nos charts internacionais de música, o rapper e seus fãs acreditam ter grandes chances de concorrer ao Grammy em 2021. Suga já tem há bastante tempo seu trabalho solo como Agust D, desde 2016, bem antes do estouro internacional do BTS.

A ascensão internacional solo de Suga espantou os que não reconhecem o gênero de Kpop e mostrando a força das redes sociais e da base de fãs. Infelizmente, pela coincidência do lançamento dos clipes de “Daechwita” e “Rain on Me”, uma verdadeira batalha virtual foi lançada entre os fãs para alavancar nas paradas musicais os trabalhos dos artistas. Apesar de não estar em primeiro no iTunes mundial, Lady Gaga levou a melhor no Spotify no iTunes dos EUA e outros países.

Em entrevista a Billboard, Suga relata que finalmente conseguiu ter o tempo necessário para desenvolver seu trabalho solo e lança-lo este ano: "Encontrei tempo para trabalhar na minha música na quarentena e pude compilar as 10 faixas completas para a mixtape", explicou.

Você pode baixar o álbum D-2 completo pelas plataformas autorizadas pela produtora BigHit Entertainment:

No clipe de “Daechwita”, Suga aparece em dois papéis: como um imperador incisivo e cruel e como o líder de uma gangue. A música faz referências tanto à história do país (Coreia do Sul) como às conquistas profissionais e pessoais dele: "Como a faixa inclui muitos elementos musicais coreanos tradicionais, fazia sentido também gravar o videoclipe em locais históricos. Não era necessariamente minha intenção incluir aspectos coreanos, foi mais um processo natural que foi surgindo ao longo do caminho", cita o rapper.

Confira o clipe de “Daechwita”:

Comentários

BTS

Mais Música