Zendaya, Nicole Byer e Dime Davis podem fazer história no Emmy 2020

Com recorde de pessoas negras indicadas, as apostas femininas são altíssimas
Com recorde de pessoas negras indicadas, as apostas femininas são altíssimas
PorMarcos Henderson12/08/2020 13h37

O Emmy 2020 garantiu uma edição mais inclusiva com o recorde de indicações de atores masculinos e femininos negros, mas os responsáveis pelas cédulas oficiais de votação podem fazer uma história ainda mais grandiosa se definirem positivamente para as incríveis mulheres negras presentes na lista de candidatos, inclusive estreantes, como Nicole Byer, a primeira mulher negra a ser nomeada na categoria de apresentador de reality, por “Mandou Bem”, da Netflix, e Dime Davis, primeira mulher negra a ser indicada na categoria de direção de série de variedades, graças ao seu excelente trabalho em "A Black Lady Sketch Show", da HBO. 

A noite de cerimônia, marcada para o dia 20 de setembro, pode consagrar vitórias históricas para o mundo das produções televisivas. Muitas categorias, como ator coadjuvante de comédia e ator coadjuvante de série limitada / filme de TV, apresentam um número significativo de atores negros a serem nomeados uns contra os outros na mesma cédula.

Nicole Byer e Dime Davis são grandes apostas a bordo de seus programas na Netflix e HBO, respectivamente
Nicole Byer e Dime Davis são grandes apostas a bordo de seus programas na Netflix e HBO, respectivamente
Nicole Byer e Dime Davis são grandes apostas a bordo de seus programas na Netflix e HBO, respectivamente

“O fato é que você não pode ganhar um Emmy de atuação a menos que seja escalado”, diz o consultor de prêmios Richard Licata, da Licata & Co. “E de uma perspectiva histórica, até recentemente você descobrirá que as pessoas desses grupos que ganharam o Emmy eram poucos e distantes entre si”, completou. 

Embora seja um momento que valha a pena comemorar em alguns aspectos, ainda há um longo caminho a percorrer em outros, especificamente na representação das comunidades Latinx, Asiática e LGBTQIA+, além da representação geral nos bastidores.

Por exemplo, não há diretores negros nomeados nas categorias de drama ou comédia. Além disso, Stefani Robinson (“What We Do in the Shadows”, do FX) é a única pessoa de pele negra indicada nas categorias de roteiro de comédia ou drama este ano; Sandra Oh, indicada pelo terceiro ano consecutivo na corrida para a atriz principal de drama, por “Killing Eve”, continua sendo a única mulher de ascendência asiática a ser nomeada na categoria. Nenhuma pessoa de cor jamais ganhou um Emmy por escrever um drama.

Leia também: Lista de indicados ao Emmy 2020

Se Zendaya ganhar a estátua de atriz principal de drama por "Euphoria", ela seria apenas a segunda atriz de cor a ganhar o prêmio após a vitória de Viola Davis - esnobada este ano - em 2015, por "How to Get Away With Murder". Isabel Sanford, de "The Jeffersons", ganhou o prêmio de atriz principal de comédia em 1981 e foi a única pessoa negra a ganhar o prêmio até America Ferrera, em 2007, por "Ugly Betty". Este ano, tanto Issa Rae, de “Insecure”, quanto Tracee Ellis Ross, de “Black-ish”, estão competindo por esse prêmio.

Zendaya tem grandes chances de ganhar o prêmio de melhor atriz por 'Euphoria'
Zendaya tem grandes chances de ganhar o prêmio de melhor atriz por 'Euphoria'
Zendaya tem grandes chances de ganhar o prêmio de melhor atriz por 'Euphoria'

Cinco dos oito indicados à comédia coadjuvante são negros (Sterling K. Brown, William Jackson Harper, Kenan Thompson, Mahershala Ali e Andre Braugher). Se um deles ganhar, será a primeira vez que um ator negro leva o prêmio desde que Robert Guillaume venceu por “Soap” em 1979.

+Emmy

Comentários

Sobre o autorMarcos Henderson
Publicitário, músico e, aqui, escrevo sobre o que as diferentes culturas têm a nos dizer. Como artista, celebro a força da arte e conto histórias do entretenimento. Twitter: @marhoscenderson