Diário 24 Horas

Ian McKellen, o Gandalf de 'O Senhor dos Anéis', recebe vacina contra Covid-19 no Reino Unido

Aos 81 anos, o ator disse que se sente sortudo por receber a vacina e recomenda que todos façam o mesmo
Aos 81 anos, o ator disse que se sente sortudo por receber a vacina e recomenda que todos façam o mesmo
PorMarcos Henderson

O ator Ian McKellen, o eterno Gandalf de "O Senhor dos Anéis", se disse "eufórico" após receber a vacina contra a Covid-19 no Reino Unido. O ator de 81 anos recebeu a primeira de duas doses no hospital Queen Mary, em Londres, na última quarta-feira (16).

"É um dia muito especial, me sinto eufórico", disse o indicado ao Oscar. "Qualquer um que viveu tanto quanto eu está vivo porque teve vacinações anteriores", continuou. "A adesão entre a geração mais velha será de 100 por cento - deveria ser - porque você protege não apenas você, mas as pessoas próximas - você está fazendo sua parte pela sociedade."

Leia também: Governo confirma intenção de compra de 46 milhões de doses da CoronaVac

O Reino Unido se tornou o primeiro país ocidental a começar a vacinação contra o novo coronavírus, no início deste mês. McKellen disse que se sente "muito sortudo por ter recebido a vacina" e incentivou outros a tomá-la também. "Claro, é indolor", disse o ator sobre a experiência. "É conveniente entrar em contato e conhecer a equipe do NHS, e dizer obrigado a eles pelo quão duro eles têm trabalhado é um bônus, eu não hesitaria em recomendar a ninguém", disse o ator que, com seu cachecol colorido, carregou a bandeira LGBTQI+ ao receber a vacina.

Na segunda-feira (14), os primeiros americanos receberam a vacina da Pfizer no Long Island Jewish Medical Center, em Nova York - a primeira pessoa a receber a injeção nos EUA foi Sarah Lindsay, uma enfermeira da UTI do hospital, que foi um dos mais atingidos pelo vírus no início deste ano.

Pessoas em maior risco, incluindo profissionais de saúde da linha de frente e residentes e funcionários de instalações de enfermagem de longo prazo, estarão na primeira onda de pessoas a receber as doses da vacina, seguidos por trabalhadores essenciais, como atendentes de emergência, trabalhadores de mercearia, trabalhadores de transporte público, professores, oficiais de correção e policiais.

+Filme

Sobre o autorMarcos Henderson
Publicitário, músico e, aqui, escrevo sobre o que as diferentes culturas têm a nos dizer. Como artista, celebro a força da arte e conto histórias do entretenimento. Twitter: @marhoscenderson