Saiba quem é Natalia Pasternak, que depõe à CPI da Covid hoje (11/06/2021)

A bióloga utilizou boa parte do depoimento para criticar a conduta do Governo Federal e do Ministério da Saúde diante da pandemia de Covid-19
A bióloga utilizou boa parte do depoimento para criticar a conduta do Governo Federal e do Ministério da Saúde diante da pandemia de Covid-19
PorMarcos Henderson

A CPI da Covid recebe nesta sexta-feira (11), em audiência pública, a bióloga Natalia Pasternak, que depõe sobre as condutas e procedimentos adotados pelo Governo Federal, Ministério da Saúde e outros agentes no combate à pandemia do novo coronavírus no Brasil. Junto com a bióloga, a CPI também ouve o sanitarista e ex-presidente da Anvisa, Claudio Maierovitch. 

Quem é Natalia Pasternak

A bióloga e divulgadora científica brasileira, Natalia Pasternak, é a fundadora e primeira presidente do Instituto Questão de Ciência (IQC), e é editora da primeira revista brasileira sobre pensamento crítico, a Revista Questão de Ciência, publicada pelo IQC. 

Pasternak já foi colunista da revista Saúde e, atualmente, escreve sobre popularização da ciência e pseudociências no jornal O Globo, incluindo uma citação própria durante o depoimento de hoje na CPI da Covid, quando apontou o uso da cloroquina e o negacionismo como uma "mentira orquestrada pelo Governo Federal e pelo Ministério da Saúde". Confira o trecho:

Pasternak dedicou grande parte de seu tempo na CPI da Covid para criticar duramente o atraso do Brasil em relação ao combate à pandemia, criticando o uso de medicamentos ineficazes contra a doença e deixando claro que a hidroxicloroquina já foi testada de todas as formas possíveis. Ela também criticou a tese da imunidade de rebanho, que, segundo ela, se aplica apenas a animais, "e fomos tratados dessa forma". 

Comentários

O que você achou?
1GosteiGostei
0HahaHaha
0TristeTriste
0DetesteiDetestei
0AmeiAmei
0AffAff