Diário 24 Horas

ARMYs detonam artigo polêmico da Billboard sobre o BTS; Entenda

A publicação voltou a discutir supostas manipulações da boyband e pouco falou sobre música
A publicação voltou a discutir supostas manipulações da boyband e pouco falou sobre música
Marcos Henderson
PorMarcos Henderson

O BTS já se tornou um dos maiores símbolos de sucesso midiático na indústria da música global, mas ainda há quem encontre meios para desmerecer o trabalho da boyband sul-coreana e seus gestores. A nova edição da revista Billboard de Outono apresenta um artigo exclusivo sobre o BTS, com ensaio fotográfico e um tema polêmico: o negócio multimilionário por trás do grupo. O que era para ser um clima de festa entre os fãs, se tornou uma revolta generalizada dos ARMYs nas redes sociais. 

O repúdio dos fãs pode ser facilmente explicado pelos longos parágrafos do artigo em que a Billboard insiste em apresentar novamente as teorias de que o BTS alcançou o topo das paradas de sucesso através de manipulação "combinada, antitética ao propósito das paradas de destacar com precisão os mais populares do mundo".

Aparentemente desesperados por uma desvalorização das conquistas do grupo, os redatores da publicação afirmam que a ação dos ARMYs de se organizar nas redes sociais para comprar as obras do BTS em massa pode ser enquadrada como um tipo de manipulação, quando, na verdade, é apenas uma manifestação de idolatria de um fandom que já se acostumou a ser considerado um dos mais devotos da humanidade. 

O artigo também sugere que o sucesso da boyband irá se evaporar após atingir o auge, "afinal, o BTS já sobreviveu ao período de vida de sete anos padrão da indústria de um grupo de K-pop". Mais à frente, o artigo destaca a Billboard Hot 100, sugerindo novamente a estratégia de manipulação dos ARMYs para garantir desempenhos superiores nos gráficos. 

No final das contas, a publicação exclusiva da Billboard transparece uma dor de cotovelo que envolve menções a Dua Lipa e Olivia Rodrigo, por exemplo, como supostas "vítimas" da manipulação do BTS. Em outras palavras, a Billboard não parece aceitar o desempenho do grupo sul-coreano frente aos artistas ocidentais. 

Confira algumas reações dos ARMYs ao artigo polêmico da Billboard:

ComentáriosO que você achou?
Música
Últimas