Simone revela sufoco antes de decidir emagrecer: 'questão de saúde'

A cantora da dupla com Simaria revelou que estava enfrentando dificuldades em atividades simples antes de decidir perder peso
A cantora da dupla com Simaria revelou que estava enfrentando dificuldades em atividades simples antes de decidir perder peso
Marcos Henderson
PorMarcos Henderson

Simone, da dupla com Simaria, utilizou sua conta no Instagram na última quarta-feira (15) para fazer um desabafo aos seguidores sobre a decisão de emagrecer, revelando que passou por algumas dificuldades antes de perceber que precisava cuidar da própria saúde para não enfrentar obstáculos mais complexos futuramente. Ela chegou a dizer que o sobrepeso não permitia que ela amarrasse o cadarço e que era "questão de saúde" iniciar uma nova rotina. 

"Nem amarrar o cadarço do tênis eu estava conseguindo mais. Não é legal isso. Fora os exames que a gente faz antes de começar um tratamento para emagrecer", disse a cantora, que tomou um susto nesta semana após ter o avião de sua dupla sertaneja confundido com uma aeronave que caiu em Piracicaba, precisando esclarecer a situação e tranquilizar os fãs durante participação no programa Encontro, apresentado por Fátima Bernardes

Ainda em seu desabafo, Simone disse que não sofreu nenhum tipo de pressão estética, seja de contratantes, empresários e até seu marido. Segundo a artista, a principal motivação do emagrecimento foi a saúde. 

"Não existe cobrança nenhuma do marido, de fã, de publicidade, de show, de nada. Está tudo bem para as pessoas com quem trabalho a forma que sou e o peso que eu estava, mas para mim era uma questão de saúde. Por isso que eu resolvi cuidar de mim", garantiu a cantora. 

Simone e Simaria começaram a carreira cedo, trabalhando inicialmente com backing vocal na banda oficial do cantor Frank Aguiar, no final dos anos 90, até atingirem um grande reconhecimento com a banda Forró do Muído. Somente em 2012 elas lançaram o primeiro projeto solo, garantindo rapidamente um destaque na indústria musical brasileira. 

Comentários

O que você achou?