Alec Baldwin viaja com a família após tragédia com Halyna Hutchins

O ator foi fotografado cabisbaixo pelas ruas da Nova Inglaterra, uma semana após o incidente que tirou a vida de Hutchins
O ator foi fotografado cabisbaixo pelas ruas da Nova Inglaterra, uma semana após o incidente que tirou a vida de Hutchins
Marcos Henderson
PorMarcos Henderson

Alec Baldwin viajou com a família após matar acidentalmente a diretora de fotografia do filme "Rust", Halyna Hutchins, devido a um disparo inesperado de uma arma com munição letal no set, quando, na verdade, o armamento cenográfico deveria conter balas de festim.

O ator de 63 anos foi fotografado ao lado da esposa, Hilaria, e seus seis filhos, Carmen Gabriela, de 8 anos, María Lucía Victoria, de 6 meses, Rafael Thomas, 6, Leonardo Ángel Charles, 4, Romeo Alejandro David, 3, e Eduardo "Edu" Pao Lucas, de 1 ano. 

“Alec e Hilaria deixaram Nova York e estão se relacionando com as crianças”, disse uma fonte não identificada à revista People. "Eles saem ocasionalmente para comprar o jantar, mas estão principalmente tentando proteger a privacidade das crianças e apenas passar momentos calmos juntos como uma família."

A fonte acrescenta: "Alec continua a lamentar os trágicos acontecimentos da semana passada, mas encontrou conforto em estar cercado por seus entes queridos. Ele está tentando concentrar sua atenção o melhor que pode em estar presente para sua esposa e filhos enquanto trabalha no trauma. Alec continua a cooperar com o escritório do xerife na investigação."

Baldwin estava ensaiando uma cena com arma no set de "Rust" quando, repentinamente, a arma foi disparada, acertando Hutchins, de 42 anos, e o diretor Joel Souza, que ficou ferido mas já se recupera, enquanto a diretora de fotografia foi atingida na região da barriga e não conseguiu resistir aos graves ferimentos, vindo a óbito pouco tempo depois.  

A arma que Baldwin utilizava no ensaio tinha sido entregue em suas mãos pelo diretor assistente do filme, Dave Halls, que chegou a dizer que a peça estava "fria", ou seja, descarregada. No dia seguinte ao tiroteio acidental, Baldwin publicou um comunicado emotivo sobre o ocorrido, afirmando que está cooperando ativamente com a polícia para determinar a causa da tragédia.