Camila Cabello se desculpa por postagens racistas feitas na adolescência

Camila Cabello se desculpa por postagens racistas feitas na adolescência
Cyrce Tadaiesky
PorCyrce Tadaiesky

A cantora do sucesso mundial ‘Havana’ foi assunto nas redes sociais após vir à tona posts antigos feitos em sua antiga página no tumblr com conteúdo racista. Os posts originais foram publicados em 2012, quando Camila Cabello tinha 15 anos. 

Camila usou suas redes sociais para pedir desculpas pelo erro que cometeu quando era mais jovem “Quando eu era mais jovem, eu usava uma linguagem da qual tenho profunda vergonha e me arrependo para sempre. Eu era mal educada e ignorante e, uma vez que me tornei ciente da história, do peso e da verdade por trás dessa linguagem horrível e ofensiva, fiquei profundamente envergonhada por ter usado isso”.

Em alguns dos posts, apareciam a palavra “nigga”, o termo é considerado extremamente racista. A palavra ‘nigga’ foi criada há bastante tempo e era o termo usado por brancos nos EUA para se referirem aos negros, indicando que eles eram inferiores, sub-humanos. Esta talvez seja a palavra que mais simboliza as ideias de supremacia branca nos EUA. 

Veja também: Camila Cabello estreia novo álbum "Romance"

Além de frases racistas que foram compartilhadas, apareceram algumas imagens que são ofensivas, preconceituosas e reforçam estereótipos contra negros. Por este motivo, Camilla disse, “Pedi desculpas então e peço desculpas agora. Eu nunca machucaria intencionalmente alguém e me arrependo do fundo do meu coração. Eu gostaria tanto de poder mas não posso voltar no tempo e mudar as coisas que eu disse no passado. Mas uma vez que você conhece melhor as coisas, você se torna uma pessoa melhor e é tudo o que eu posso fazer”.

Camila continuou com seu pedido de desculpas: “Tenho 22 agora, sou adulta, cresci e aprendi. Tenho consciência sobre a história e a dor que isso carrega de um jeito que não tinha antes. Esses erros não representam a pessoa que eu sou ou a que me tornei. Eu só dou suporte ao amor e a inclusividade. Meu coração nunca deu suporte ao ódio ou diferenças. A verdade é que eu era estupidamente ignorante e inconsciente (não conseguia ver as coisas como erradas e certas). Eu uso minhas redes sociais para alertar sobre as injustiças, desigualdades e continuarei fazendo isso. Eu não consigo dizer o quão profundamente envergonhada e triste eu me sinto. Me desculpo novamente, do fundo do meu coração".

Comentários

O que você achou?
0GosteiGostei
0HahaHaha
0TristeTriste
0DetesteiDetestei
0AmeiAmei
0AffAff