Tiago Leifert e Rodrigo Faro são cotados para substituir Luciano Huck na TV Globo

Segundo colunista Alessandro Lo-Bianco, Huck deve sair da Globo até o final de 2020.
Segundo colunista Alessandro Lo-Bianco, Huck deve sair da Globo até o final de 2020.
Por Kelly Lima

Não é de hoje que o assunto sobre uma possível candidatura de Luciano Huck à eleições presidenciais é ventilado na mídia. Na realidade, muitos esperavam por um posicionamento do apresentador, incluindo a Rede Globo. Agora, segundo informou o colunista Alessandro Lo-Bianco, no ‘A tarde é Sua’, Huck teria finalmente tomado uma decisão. O marido de Angélica sinalizado à emissora carioca que realmente tem a intenção de participar do próximo pleito para presidente do Brasil. 

A decisão teria sido comunicada a cúpula da Globo no fim da primeira quinzena deste mês. Ainda de acordo com o colunista, o desligamento do comunicador deve ocorrer em dezembro de 2020, no mais tardar em janeiro do próximo ano, tempo suficiente para que todas as providências para a substituição do famoso sejam feitas de forma a não prejudicar ambos os lados. A emissora já até estaria analisando nomes para substitutos, sendo os mais cotados Tiago Leifert e Rodrigo Faro. As informações ainda não foram oficializadas, mas quanto a uma possível contratação do apresentador do ‘Hora do Faro’, tanto a Globo quanto Faro negam estarem mantendo negociações.

https://cdn-istoe-ssl.akamaized.net/wp-content/uploads/sites/14/2019/02/luciano-huck-e-angelica.jpg

Legenda: Mesmo não gostando da ideia da candidatura, Angélica mantém seu apoio ao marido.

Independe do substituto, a saída de Luciano é dada como certa por muitos, mesmo assim não seria do agrado de todos. Em entrevista à revista Marie Claire, Angélica, afirmou que não acha muito legal a candidatura do marido, mas que se ocorresse seria “uma espécie de chamado”, mas que não se oporia, caso essa fosse a escolha de Huck. ”Acredito na capacidade de trabalho e no olhar para o outro que ele tem. Mas é uma escolha minha? Acho muito legal? Não posso falar isso porque não seria verdade. Teríamos mais a perder do que a ganhar. Mas estamos em um momento tão louco na política que não quero, jamais, ser egoísta e leviana de impedir algo nesse sentido. Jamais falaria ‘não, você não vai’. Jamais”, declarou a loira. Ela ainda disse que seria uma honra ser tornar primeira-dama do Brasil, mesmo que nunca tenha pensado nisso.

Outra pessoa que opinou sobre a possível candidatura de Luciano Huck foi o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Em entrevista à ‘TVT’, ele afirmou que o apresentador seria somente um representante da Globo na política: “O Luciano Huck não representa a centro-esquerda. Ele representa a Central Globo de Televisão. É isso que ele representa nesse momento. […] Na verdade, o Luciano Huck está sendo discutido pelo dono da Ambev, que é o novo formador de quadros políticos neste país”. Lula também criticou o governo Bolsonaro.

0
0
1