Mulher-Maravilha 1984: Romance homoafetivo entre Diana e Cheetah é descartado pela diretora do longa

O coração de Diana irá viver fortes emoções no filme, mas não será por uma mulher
O coração de Diana irá viver fortes emoções no filme, mas não será por uma mulher
PorKelly Lima01/06/2020 17h49

Mulher-Maravilha 1984 é uma das continuações cinematográficas mais aguardadas do momento. Com data de estreia programada para o dia 13 de agosto deste ano, em terras brasileiras, mas fortes chances de adiamento, por conta do atual quadro epidêmico global, o filme vem causando furor nas expectativas dos fãs desde o lançamento do primeiro trailer oficial divulgado durante a CCXP 2019.

De lá para cá, muitas especulações foram feitas, inclusive um possível relacionamento homoafetivo entre a heroína, interpretada por Gal Gadot, e Barbara Minerva, também conhecida como Cheetah, vivida por Kristen Wiig.

Estamos em pleno mês do orgulho LGBT e seria muito legal confirmar que esse romance tomaria forma dentro da obra, mas essa não é a realidade. De acordo com Patty Jenkins, diretora responsável pelo filme, não haverá essa possibilidade. Durante entrevista à SFX, ela explicou o motivo o motivo dizendo que isso poderia ter acontecido em um roteiro diferente, mas não nessa sequência, pois foca no retorno de Steve Trevor, vivido por Chris Pine, que havia sido dado como morto no fim do primeiro longa. “É claramente sobre o retorno de Steve trevo, toda história é sobre ele. É uma história de amor com Steve. Diana não tem espaço para dois”, disse a cineasta. Esse Fan service vai continuar unicamente na mente daqueles que sonhavam com o romance entre Diana e a vilã Cheetah.

Steve reaparece de forma misteriosa após ser dado como morto no primeiro longa da heroína
Steve reaparece de forma misteriosa após ser dado como morto no primeiro longa da heroína
Steve reaparece de forma misteriosa após ser dado como morto no primeiro longa da heroína

Mulher Maravilha 1984 vem para matar o desejo daquelas que se encantaram com o primeiro filme, em 2017. É o nono longa do Universo Estendido da DC e promete trazer muita ação para as telonas. A história irá se passar na década de 80, como sugere o título, e trará clássicos vilões dos quadrinhos como Max Lord, interpretado por Pedro Pascal, que possui habilidades sobre-humanas e vai dificultar a vida da nossa heroína.

Não há muitos detalhes sobre o enredo principal, mas pelas cenas do trailer, esperar por momentos de pura adrenalina, em cenas de lutas bem coreografadas e de tirar o fôlego é o mínimo que podemos esperar.

Confira o trailer:

+Mulher Maravilha

0
0
0
Kelly Lima
Sobre o autorKelly Lima
Web designer por curiosidade, Desenhista por amor, Gestora de RH por teimosia, acadêmica de Geografia por sorte e redatora nas horas vagas. Twiiter: Kelly Nivelly (@KNivelly)