‘Duna’, ‘Matrix 4’ e demais filmes da Warner em 2021 irão estrear no HBO Max e cinemas simultaneamente

A quebra surpreendente dos padrões da indústria foi anunciada pela Warner na quinta-feira, 3
A quebra surpreendente dos padrões da indústria foi anunciada pela Warner na quinta-feira, 3
PorMarcos Henderson

A Warner Bros. seguirá a estratégia adotada para o lançamento de "Mulher Maravilha 1984", que anunciou sua estreia oficial para o natal, tanto nos cinemas quanto no HBO Max, para todos os filmes de 2021. Trata-se de uma quebra surpreendente dos padrões da indústria, que costuma dar uma longa pausa entre as exibições nos cinemas e a disponibilização nas plataformas de streaming. 

Com isso, toda a lista de 17 filmes da Warner Bros. em 2021, incluindo "Matrix 4", "Duna", a adaptação musical de Lin-Manuel Miranda de "In the Heights", e "O Esquadrão Suicida" de James Gunn, estreará no HBO Max e nos cinemas em suas respectivas datas de lançamento. 

No curto prazo, a mudança injetará um burburinho bem-vindo no HBO Max. Um dos principais rivais da WarnerMedia, a Walt Disney Company, fortaleceu o preço de suas ações por causa de seu investimento em ofertas de streaming, como o Disney Plus, mesmo quando seus principais parques temáticos e negócios cinematográficos despencaram. A WarnerMedia e sua controladora AT&T provavelmente estão fazendo o movimento com o objetivo de agradar Wall Street.

Assim como determinado em "Mulher Maravilha 1984", os filmes da Warner planejados para 2021 ficarão disponíveis por 31 dias no HBO Max. Depois disso, os títulos só serão exibidos nas salas de cinema. Após a retirada dos filmes das telonas, o público poderá aluga-los em plataformas online como Amazon, iTunes ou Fandango. Não está claro quando os títulos retornarão ao HBO Max. 

A presidente e CEO da WarnerMedia, Ann Sarnoff, referiu-se ao modelo como um "plano único de um ano". Executivos da empresa enfatizaram que a iniciativa não deve continuar em 2022, pois trata-se de uma solução temporária em resposta à crise de saúde global em curso.

“Estamos vivendo em tempos sem precedentes que exigem soluções criativas, incluindo esta nova iniciativa para o Warner Bros. Pictures Group”, disse Sarnoff em um comunicado. “Ninguém quer os filmes de volta ao grande ecrã mais do que nós. Sabemos que o novo conteúdo é a força vital da exibição teatral, mas temos que equilibrar isso com a realidade de que a maioria dos cinemas nos EUA provavelmente operarão com capacidade reduzida ao longo de 2021”.

“Com este plano único de um ano, podemos apoiar nossos parceiros em exibição com um fluxo constante de filmes de classe mundial, ao mesmo tempo que oferecemos aos cinéfilos que podem não ter acesso aos cinemas ou não estão prontos para voltar ao cinema a chance de ver nossos incríveis filmes de 2021”, ela continuou. “Vemos isso como uma vitória para os amantes de cinema e exibidores, e estamos extremamente gratos aos nossos parceiros de cinema por trabalharem conosco nesta resposta inovadora a essas circunstâncias.”

Comentários

O que você achou?
3GosteiGostei
0HahaHaha
0TristeTriste
0DetesteiDetestei
0AmeiAmei
0AffAff