Disponível no HBO Max, reboot de Gossip Girl não tem nada a oferecer

A nova versão da popular série da CW acompanha o ritmo genérico das atuais produções com trama ambientada em colégios de elite
A nova versão da popular série da CW acompanha o ritmo genérico das atuais produções com trama ambientada em colégios de elite
PorMarcos Henderson

Na era das recriações, está difícil encontrar novas histórias para acompanhar na televisão ou, como muitos já se acostumaram, nos smartphones. O reboot de "Gossip Girl" que estreou no HBO Max é um exemplo claro e decepcionante de que os roteiristas de plantão estão mais preocupados em resgatar antigos sucessos e ganhar uns trocados de ouro do que criar um produto que agregue valor à franquia. 

Sem nada a oferecer além de rostos novos em um colégio de elite lutando para derrubar um ao outro, em meio a transições que oferecem vislumbres sexuais aos espectadores, "Gossip Girl" chega à rede de streaming da WarnerMedia cercada de uma crítica geral horrenda, amargando uma aprovação de apenas 33% no Rotten Tomatoes, e 56% no Metacritic.

Somente pelo trailer que foi divulgado recentemente e gerou uma enorme euforia nas redes sociais, já dava para ver que não havia grandes elementos construtivos na trama, mas isso não impediu que os fãs da série original da CW surgissem com máxima empolgação nesta quinta-feira (8), durante o lançamento do reboot no HBO Max. 

Com milhares de publicações no Twitter, o nome "Gossip Girl" aparece no topo dos assuntos do momento na plataforma, reunindo memes, capturas de tela e elogios ao elenco antigo, enquanto uns tentam fornecer uma moral extra aos novos integrantes da franquia. 

Sem dúvidas, o destaque positivo do reboot de "Gossip Girl" é o retorno da talentosíssima Kristen Bell como narradora oficial, disparando o clássico "XOXO" com o mesmo entusiasmo de sempre. 

"Gossip Girl" já está disponível no HBO Max. Assista ao trailer abaixo:

Comentários

O que você achou?
1GosteiGostei
0HahaHaha
0TristeTriste
0DetesteiDetestei
0AmeiAmei
0AffAff