Diário 24 Horas

Riz Ahmed supera Chadwick Boseman no Independent Spirit Awards 2021

O desempenho de Riz Ahmed no espetacular 'Sound of Metal' foi reconhecido com a estatueta de melhor ator na premiação independente
O desempenho de Riz Ahmed no espetacular 'Sound of Metal' foi reconhecido com a estatueta de melhor ator na premiação independente
PorMarcos Henderson

O Independent Spirit Awards 2021 realizou sua cerimônia oficial de premiação e surpreendeu o público ao quebrar o padrão de outras cerimônias e não fornecer o prêmio de melhor ator para Chadwick Boseman. Em seu lugar, quem faturou o título de melhor performance solo masculina foi Riz Ahmed, protagonista do filme "Sound of Metal", disponível no Amazon Prime Video. 

Apresentada pela integrante do elenco de “Saturday Night Live”, Melissa Villaseñor, a cerimônia virtual coroou Chloé Zhao com três estatuetas, incluindo melhor longa-metragem, melhor direção e montagem, consolidando-se como a grande favorita da temporada. A vitória de Riz Ahmed contra Chadwick Boseman agitou o clima para a cerimônia do Oscar, que deverá ser acirrada com a presença de Anthony Hopkins entre os indicados. 

Embora o Spirit Awards não seja o maior termômetro para o Oscar, as escolhas finais da premiação parecem de acordo com o que se espera da Academia este ano. Atualmente, "Nomadland", de Zhao, continua no topo das premiações, destacando-se as categorias de Melhor Filme e Melhor Direção. Ao longo das premiações deste ano, o drama independente faturou o Globo de Ouro de Melhor Filme e Direção, quatro BAFTA Awards (Fotografia, Direção, Atriz Principal e Cinematografia), o British Independent Film Award de Melhor Filme Independente Internacional, quatro prêmios Critics' Choice, entre vários outros. 

Confira abaixo a lista de vencedores do Independent Spirit Awards:

  • Melhor filme: "Nomadland"
  • Melhor direção: Chloé Zhao ("Nomadland")
  • Melhor atriz: Carey Mulligan ("Bela Vingança")
  • Melhor ator: Riz Ahmed ("Sound of Metal")
  • Melhor atriz coadjuvante: Yuh-jung Youn ("Minari")
  • Melhor ator coadjuvante: Paul Raci ("Sound of Metal")
  • Melhor roteiro: Emerald Fennell ("Bela Vingança")
  • Melhor fotografia: Joshua James Richards ("Nomadland")
  • Melhor montagem: Chloé Zhao ("Nomadland")
  • Melhor filme de estreia: Darius Marder ("Sound of Metal")
  • Melhor roteiro de estreia: Andy Siara ("Palm Springs")
  • Melhor filme internacional: "Quo Vadis, Aida?" (Bósnia)
  • Melhor documentário: "Crip Camp: Revolução Pela Inclusão"
  • Melhor nova série de TV: "I May Destroy You"
  • Melhor atriz em nova série de TV: Shira Haas ("Nada Ortodoxa")
  • Melhor ator em nova série de TV: Amit Rahav ("Nada Ortodoxa")
  • Melhor elenco em série de TV: "I May Destroy You"
  • Melhor série documental: "Immigration Nation"
  • Prêmio Robert Altman (melhor elenco em filme): "Uma Noite em Miami"
  • Prêmio John Cassavetes (filme feito com menos de US$ 500 mil): "Residue"
  • Melhor revelação (Someone to Watch Award): Ekwa Msangi, diretora de "Farewell Amor"

Comentários

O que você achou?
1GosteiGostei
0HahaHaha
0TristeTriste
0DetesteiDetestei
0AmeiAmei
0AffAff
Sobre o autorMarcos Henderson
Publicitário, músico e, aqui, escrevo sobre o que as diferentes culturas têm a nos dizer. Como artista, celebro a força da arte e conto histórias do entretenimento. Twitter: @marhoscenderson