Metallica: Banda pode adiar turnê pelo Brasil para dezembro, devido ao coronavírus

Com shows marcados para abril, banda deve anunciar sua vinda apenas em dezembro, em respeito às recomendações para conter a disseminação do vírus
Com shows marcados para abril, banda deve anunciar sua vinda apenas em dezembro, em respeito às recomendações para conter a disseminação do vírus

Seguindo a triste "tendência" dos últimos dias, a turnê brasileira do Metallica também deve em breve anunciar seu adiamento devido à preocupações com o coronavírus.

E conforme o jornalista José Norberto Flesch, que tem um faro bastante apurado quando se trata de antecipar shows e notícias de artistas estrangeiros - a exemplo do Lollapalooza, que um dia após sua "previsão", anunciou o cancelamento - a nova data de realização do evento deve ser dezembro, segundo revelado em sua coluna no Yahoo.

E apesar de não haver confirmação oficial do Metallica ou dos organizadores dos shows, previstos originalmente para abril, levando-se em consideração cancelamentos de Backstreet Boys, McFly, Jinjer e vários outros, podemos dar a informação como quase certa.

Ainda conforme Flesch, apesar de dizer o mês, as novas datas ainda permanecem em segredo. Curiosamente o site da produtora, Eventim, segue normalmente a venda dos ingressos. 

A turnê, denominada "World Wired Tour" até agora tem como confirmadas as cidades de Porto Alegre, Curitiba, São Paulo e Belo Horizonte como seu destino, com o Greta Van Fleet como convidado para a abertura das apresentações.

Além de Backstreet Boys, McFly e Jinjer, aqui no Brasil,[ o mais novo anúncio de adiamento foi feito pelo Lolapalooza, que foi adiado também para dezembro devido as preocupações da disseminação da doença.

O evento, que ocorreria nos próximos dias 3, 4 e 5 de abril no Autódromo de Interlagos, em São Paulo, anunciou seu adiamento para 4, 5 e 6 de dezembro de 2020.

Atrações como Guns N' Roses, Strokes e Travis Scott continuam confirmados no line-up após a mudança de datas, e mais nomes devem ser revelados nos próximos dias. Lana Del Rey, Gwen Stefani e outros também faziam parte do line-up antes do adiamento, mas sobre estes, ainda não há informações, pois podem haver divergências nas disponibilidades das agendas para a nova data.

"A saúde e a segurança de nossos fãs, artistas, funcionários e parceiros e comunidades são a nossa prioridade. Nossos headliners Guns N' Roses, The Strokes e Travis Scott estão confirmados para as três datas remarcadas", disse a produtora do festival em comunicado.

Leia também