Vitória de Luis Arce na Bolívia frustra planos de Elon Musk com o lítio

Com Luis Arce assumindo a presidência, os EUA podem perder privilégios conquistados com a renúncia de Evo Morales
Com Luis Arce assumindo a presidência, os EUA podem perder privilégios conquistados com a renúncia de Evo Morales
PorMarcos Henderson19/10/2020 16h00

O candidato de esquerda, Luis Arce, aparece como vencedor das eleições presidenciais da Bolívia em duas pesquisas de boca de urna, e já comemorou a vitória nesta segunda-feira (19), mesmo sem a divulgação do resultado oficial do pleito de domingo (18). Caso realmente assuma o cargo de presidente, Arce frustrará supostos planos de Elon Musk, que reacendeu as discussões sobre a participação dos Estados Unidos nos atos que levaram à renúncia de Evo Morales do governo do país sul-americano ao dizer, em julho, que "nós vamos dar golpe em quem quisermos". 

A afirmação surgiu como resposta a uma publicação revoltada de um usuário do Twitter que acusava o bilionário de juntar forças ao governo norte-americano para obter o lítio da Bolívia a preços baixos. O elemento químico é amplamente utilizado na fabricação de baterias, e é um componente de extrema importância para os veículos elétricos da Tesla. 

Apesar disso, Musk afirmou em publicação subsequente que a maior parte do material usado pela montadora é importado da Austrália. Isso porque o lítio boliviano, apesar das enormes reservas, não seria convertido "em material com qualidade para uso em uma bateria, pois contém altos níveis de magnésio", segundo o consultor para o mercado de lítio, Rodney Hooper, em entrevista ao podcast Cleantech. A jazida de lítio em Uyuni, na Bolívia, abriga 50% da reserva global do material. 

Evo Morales renunciou à presidência após protestos intensos e acusações de irregularidades nas eleições de 2019, quando foi adotado o uso de dois sistemas paralelos de apuração. O sistema de Transmissão de Resultados Eleitorais Preliminares apresentou resultados divergentes em relação à contagem indivigual de votos, gerando uma série de acusações e dúvidas sobre a vitória de Morales.

A vitória parcial de Luis Arce foi divulgada pela presidente interina Jeanine Añez. "Ainda não temos a contagem oficial, mas pelos dados que temos acesso, o senhor Arce e o senhor Choquehuanca ganharam a eleição", disse Añez, que comemorou a vitória da democracia e cumprimentou os ganhadores nas redes sociais. 

3
Gostei
Haha
Triste
Detestei
Amei
Aff
Gostei
Comentar

+Política

Sobre o autorMarcos Henderson
Publicitário, músico e, aqui, escrevo sobre o que as diferentes culturas têm a nos dizer. Como artista, celebro a força da arte e conto histórias do entretenimento. Twitter: @marhoscenderson