Amapá enfrenta 7º dia de apagão com reclamações sobre rodízio de energia

Vários moradores relatam problemas com o cumprimento do cronograma de fornecimento de energia
Vários moradores relatam problemas com o cumprimento do cronograma de fornecimento de energia
PorMarcos Henderson09/11/2020 15h16

Após a retomada de parte do fornecimento de energia no Amapá, muitos moradores reclamam sobre o descumprimento da duração pré-estabelecida de seis horas no rodízio de energia. A medida foi tomada para que todo o estado fosse contemplado, já que apenas 65% do sistema elétrico foi reestabelecido, mas há locais em que os moradores apontam graves falhas no cronograma durante o 7º dia de apagão

Segundo reportagem do G1 publicada nesta segunda-feira (9), há inúmeros relatos de regiões em que a duração do fornecimento de energia caiu para apenas duas horas, tornando as tarefas básicas, como a conservação de alimentos, em desafios contra o tempo.

Leia mais: Veja os detalhes do racionamento de energia no Amapá

Além disso, milhares de pessoas enfrentam dificuldades para encontrar água potável, obter sinais de telecomunicações ou fazer compras nos supermercados, que enfrentam longas filas e problemas para manutenção dos estoques. 

A previsão do Ministério de Minas e Energia é de que a distribuição de energia no Amapá seja integralmente retomada no próximo final de semana, sem definir uma data exata. O diretor da Companhia de Eletricidade do Amapá (CEA), Marcos Pereira, informou que a correção dos problemas dependerá dos relatos de falhas dos consumidores.

"Lembrando que estamos a menos de 48 horas desde que o sistema se normalizou nessa condição especial de rodízio e há questões técnicas a serem enfrentadas", disse Pereira. "É um sistema complexo e que, só para desligar e religar em outra área, exige uma série de manobras que levam cerca de 30 minutos", completou. 

Cerca de 765 mil pessoas, que correspondem 89% da população amapaense, ficaram sem energia na última terça-feira (3) após um incêndio na principal subestação do estado. 

3
Gostei
Haha
Triste
Detestei
Amei
Aff
Gostei
Comentar

+Brasil

Sobre o autorMarcos Henderson
Publicitário, músico e, aqui, escrevo sobre o que as diferentes culturas têm a nos dizer. Como artista, celebro a força da arte e conto histórias do entretenimento. Twitter: @marhoscenderson